Poderes e Prefeitura retomam expediente normal nesta terça

O governo anunciou ainda o congelamento do preço do diesel na bomba pelos próximos 15 dias

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

Os Poderes Executivo, Judiciário e Legislativo de Mato Grosso retomam o expediente normal nesta terça-feira (29), depois de dois dias de ponto facultativo. As aulas nas escolas estaduais também serão retomadas. Segundo o secretário-chefe da Casa Civil, Julio Modesto, as pastas terão liberdade para adequar o funcionamento às condições disponíveis.

Modesto informou também que o governo fornecerá escolta para garantir o abastecimento dos ônibus do transporte coletivo municipal e do transporte escolar, além do gás de cozinha e oxigênio dos hospitais e alimentação dos presídios no Estado.

Sem aumento

O governo anunciou ainda o congelamento do preço do diesel na bomba em todo o mês de junho. Segundo o secretário de Fazenda, Rogério Gallo, a medida proposta pelo governo de Mato Grosso e acatada pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) evita o aumento de R$ 0,17 por litro.

“Congelamos a pauta do PMPF no valor de 15 de maio. Então os aumentos dos últimos 15 dias, que levaram à greve dos caminhoneiros, não foram capturados.O preço médio atual é R$ 3,67 e sem o congelamento iria para R$ 3,94”, explicou Gallo à imprensa.

Segundo o secretário, com a medida , o Estado deixará de arrecadar entre R$ 9 milhões e R$ 10 milhões por mês. “Esse é um esforço limítrofe. Não podemos perder mais que isso”, afirmou.

Ele descartou reduzir a alíquota de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre o combustível. “Para dar essa renúncia fiscal, teremos que aumentar outro setor e isso não é possível”, disse.

Prefeitura

A Prefeitura de Cuiabá também informou que o expediente volta ao normal nesta terça-feira (29). Segundo o prefeito Emanuel Pinheiro, a retomada dos trabalhos ajudará o comércio que já vem tendo prejuízos grandes por conta da paralisação.

O funcionamento da frota de ônibus segue com 50% de seu efetivo trafegando pelas ruas da Capital. O atendimento nas unidades de saúde seguirá com normalidade, com a garantia do desempenho das ambulâncias, mediante o estoque de combustível assegurado até o início da quinta-feira (31).

Quanto a coleta de lixo, a prestação do serviço em sua total conformidade permanece avalizada até a próxima quarta-feira (30). “Não podemos paralisar os nossos trabalhos por mais tempo. Isso prejudicaria ainda mais a população que já está sendo afetada com o desabastecimento”, afirmou o prefeito.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAudiência suspensa
Próximo artigoSoldados barram manifestantes que pedem intervenção militar; caminhoneiros fazem buzinaço