Início Mato Grosso Governo diz que pode recorrer de reajuste salarial a bombeiros e policiais...

Governo diz que pode recorrer de reajuste salarial a bombeiros e policiais militares

Governador Mauro Mendes disse que a PGE analisa decisão do juiz Gerardo Humberto, com ordem para pagamento retroativo a 2008

Imagem Ilustrativa (Foto: Corpo de Bombeiros)

O governador Mauro Mendes disse que poderá recorrer da decisão judicial que obriga o Estado a reajustar o salário de policiais militares e bombeiros em 11,9%. O teor da ordem está sendo analisado pela Procuradoria Geral do Estado (PGE). 

“É uma decisão de primeira instância e sempre cabe recurso. Acredito que a PGE deve estar analisando e vai me orientar. Ela tem o dever de defender o interesse do Estado”, afirmou. 

O juiz da 4ª Vara da Fazenda Pública, Gerardo Humberto Alves da Silva Junior, determinou que o Estado incorpore os 11,9% em 30 dias. A decisão publicada na sexta-feira (24) atende um pedido da Associação de Cabos e Soldados da Polícia Militar e Bombeiro (Assof). 

O percentual seria referente à perda salarial ocorrida na conversão de moeda brasileira da URV (Unidade Real de Valor) para o real, em 1994. A decisão do juiz Gerardo Humberto cobre reajuste sobre salário, incluindo o 13º, férias outras verbas que os servidores tenham direito. A aplicação deve ser retroativa a 2008. 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui