Governo de MT lança concurso público para polícias, bombeiros e Politec

Inscrições iniciam no dia 12 e seguem até o dia 24 de janeiro, ao valor de R$ 130

Imagem Ilustrativa (Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

O governador Mauro Mendes e o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, lançaram nesta quarta-feira (5) sete editais para o concurso público das forças de segurança. O certame contemplará 11 diferentes cargos destinados à Policia Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Judiciária Civil e Politec.

Os editais serão publicados na edição extra do Diário Oficial desta quarta-feira (5) e mais informações podem ser consultadas no site: www.iomat.mt.gov.br. Para a realização do concurso, o Governo do Estado contratou a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

As inscrições iniciam no dia 12 e seguem até o dia 24 de janeiro, ao valor de R$ 130. Todas as vagas exigem Ensino Superior Completo e serão para cadastro de reserva, no entanto, o governador anunciou que pretende nomear 1.200 novos servidores em 2022.

“Temos uma previsão de nomear 1.200 aprovados ainda este ano. Apesar de o concurso ser para cadastro de reserva, todo aquele que atingir a nota mínima de corte estará entre os aprovados e poderá ser nomeado, conforme a necessidade do Estado”, destacou Mendes.

Para a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros Militar, as vagas são para oficiais e soldado. Para a Polícia Judiciária Civil, as vagas são para escrivão e investigador. Já para a Politec, as vagas são para perito oficial criminal,  perito médico legista e perito odonto legista.

As provas vão ocorrer no dia 20 de fevereiro nos municípios de Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis, Sinop e Barra do Garças. O concurso terá validade de dois anos, podendo ser prorrogado por mais dois anos.

“O governo inicia o ano trazendo boas notícias que é a realização destes concursos para a segurança. Depois de ‘arrumar a casa’, o governador Mauro Mendes lança este concurso, que foi planejado com muito carinho e que vai repor o quadro de efetivos destas instituições”, disse o secretário Alexandre Bustamante.

As possíveis dúvidas sobre o edital podem ser sanadas pelo email: [email protected]

(Da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGoverno sanciona lei que regulariza compensação para Estados exportadores
Próximo artigoPopulação sofre com a falta de remédios na Farmácia de Alto Custo