Governo assina convênio de R$ 10 milhões para socorrer agricultura familiar

Parceria com o Ministério da Cidadania deve beneficiar mais de mil produtores, e o governo de Mato Grosso diz que irá dobrar valor até 2021

(Foto: Reprodução/Assessoria)

O governo de Mato Grosso assinou convênio com o Ministério da Cidadania para a compra de produtos da agricultura familiar e saída para mitigar o impacto da pandemia. O governo federal vai liberar R$ 10,6 milhões para o programa.

O termo foi assinado nesta segunda-feira (28) no Palácio Paiaguás, em Cuiabá, com a presença do ministro Onyx Lorenzoni (Cidadania). Segundo ele, mais de mil pequenos produtores devem ser beneficiados em Mato Grosso.

“O programa vai funcionar em duas frentes, com gestão pelo governo do Estado. Haverá cadastro na pessoa física feito diretamente com o produtor e a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) vai intermediar o acesso para as cooperativas”, disse o ministro.

O governador Mauro Mendes afirmou que a quantia alocada pelo governo federal deverá ser dobrada com recurso da fonte própria do Estado, até 2021. Com isso, a quantia deverá superar R$ 20 milhões nos próximos meses.

“Nós vamos, no mínimo, dobrar esse recurso, porque compreendemos a amplitude desse programa. De um lado, ele adquire alimento da agricultura familiar e, de outro, permite que a nossa rede de assistência e proteção alimentar possa funcionar melhor”, pontuou.

Conforme o governo, o foco do programa será a compra da produção na agricultura familiar e distribuição desses alimentos para pessoas em situação de insegurança alimentar.

Reportagem publicada pelo LIVRE mostra que quatro em cada dez mato-grossenses são afetados por algum nível de insegurança alimentar (leve, moderado e grave); isso significa que o acesso ou a quantidade de alimentos considerados necessários para a sobrevivência são prejudicados.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSerafina Cuiabá é guardiã mundial do Nhoque da Fortuna
Próximo artigoPIB em alta