Garota de programa é estuprada e ameaçada de morte por cliente

Ameaçando-a com uma faca, ele disse que era policial e que a mataria se não mantivesse relação com ele

Imagem ilustrativa (Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Uma jovem de 22 anos foi estuprada na noite dessa quarta-feira (25), em um motel no Bairro Industrial, em Barra do Garças (520 km de Cuiabá), enquanto era ameaçada de morte com uma faca.

Segundo a vítima, ela trabalha como garota de programa, foi contratada por WhatsApp por um homem que não conhecia, que a pagaria R$ 250, e foi até um motel com ele.

Ao chegarem no motel, ele tirou uma faca e começou a ameaçá-la dizendo: “Sou polícia, se não transar comigo vou te matar aqui mesmo”, consta no boletim de ocorrência.

Segundo a denúncia, o suspeito tirou a roupa da vítima de forma agressiva e a estuprou sem uso de preservativo. Quando finalizou o abuso, ele saiu do quarto, deixando-a no local.

Antes de fugir, o suspeito pagou pelo quarto do motel. A vítima o descreveu como um homem alto, peso médio, cor parda e com espinhas no rosto.

Ele fugiu em uma motocicleta preta, cujo modelo ainda não foi identificado. O motel, no entanto, possui câmeras, que auxiliarão no reconhecimento.

O caso foi registrado como estupro e será investigado pela Polícia Judiciária Civil.

O LIVRE produziu um manual para você saber como agir, caso tenha sido vítima ou testemunha de um crime sexual:

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSindicatos da construção doam equipamentos
Próximo artigoSecretário diz que 80% dos infectados não precisarão de atendimento em MT

O LIVRE ADS