Galli deve devolver R$ 18 mil

Ex-deputado teve contas aprovadas com ressalvas pelo TRE-MT

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Na manhã desta terça-feira (6), o Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) aprovou, por unanimidade, mas com ressalvas, as contas de campanha do ex-deputado federal Victório Galli.

Ele tentou a reeleição pelo Partido Social Liberal (PSL), em 2018, mas não teve sucesso.

Os magistrados seguiram o entendimento da relatora da ação, a juíza Vanessa Curti, e determinaram que ele devolva R$ 18 mil do Fundo Especial de Financiamento de Campanha.

Galli não teria explicado, de forma detalhada, os gastos com combustíveis, conforme exige a legislação, na avaliação dos juízes do TRE-MT.

O ex-deputado ainda pode recorrer da decisão.

Leia também

Como você se sentiu com este conteúdo?

loading spinner

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.