Fiocruz aponta alta de casos e óbitos por covid-19 em pacientes jovens

Faixa etária dos mais jovens, de 20 a 29 anos, foi a que registrou maior aumento no número de mortes

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre )

A covid-19 tem infectado cada vez mais pessoas jovens, observa a Fiocruz. Dados divulgados pela instituição apontam que a faixa etária dos mais jovens, de 20 a 29 anos, foi a que registrou maior aumento no número de mortes por covid-19: 1.081,82%.

O processo é chamado de rejuvenescimento da pandemia. Já nas idades de 40 a 49 anos, houve o maior crescimento do número de casos: 1.173,75%.

LEIA TAMBÉM

“É importante destacar que este cenário pode ser influenciado, por um lado, por uma maior flexibilização do distanciamento nas idades mais jovens, seja pela exaustão do confinamento, seja pela necessidade de retorno ao trabalho presencial”, observa.

O acometimento de casos graves nas populações mais jovens, mantém a pressão sobre serviços hospitalares, já sobrecarregados.

Na semana analisada pela Fiocruz, as maiores taxas de incidência de covid-19 foram observadas nos Estados de Rondônia, Amapá, Tocantins, Ceará, Minas Gerais, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso, e no Distrito Federal.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAnticorpos gerados pela vacina contra covid podem passar para bebês pela amamentação
Próximo artigoSaiba quais são os direitos dos estagiários