Fim das convenções: confira os candidatos a prefeito de Rondonópolis

Município terá sete candidatos na disputa pela prefeitura

(Divulgação)

Sete candidatos vão concorrer à Prefeitura de Rondonópolis (220 km de Cuiabá), nas eleições em novembro. Os nomes foram confirmados em convenções partidárias nesta quarta-feira (16), último prazo dado pela Justiça Eleitoral para as homologações.

Atual prefeito, José Carlos do Pátio (SD) vai tentar à reeleição em chapa pura. O candidato a vice em sua chapa é o empresário Aylon Arruda.

Pátio foi homologado em convenção nesta quarta-feira (16). O partido conta com apoio, até o momento, do PTB, PP, PSD, Rede e Pc do B.

O vereador Thiago Muniz (DEM) também concorre ao cargo de prefeito. Ele compõe chapa com Ibrahim Zaher (PSB) para vice. A candidatura deles é apoiada pelo PSB, PDT, MDB e PSC.

Muniz é empresário, tem formação em Direto e está em seu segundo mandato como vereador. Essa é a primeira vez que ele concorre ao cargo de prefeito. A convenção que chancelou os nomes foi realizada nesta quarta-feira (16).

Luiz Fernando Homem de Carvalho, o Luizão (Republicanos), é mais um dos candidatos. Empresário, ele vai concorrer com o apoio do PSDB. O vice que completará a chapa ainda deve ser escolhido e anunciado.

Esta é a primeira vez que Luizão concorre a um cargo público.

Cláudio Ferreira (Democracia Cristã), o Cláudio Paisagista, será o candidato a prefeito do PSL. Assim como as demais coligações, essa ainda não tem um vice. O nome será indicado pelo Patriotas. O grupo político se reuniu nesta quarta-feira (16).

Coronel do Corpo de Bombeiros, Vanderlei Bonoto vai concorrer ao cargo de prefeito pelo Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB). Ainda não foi anunciado o nome que irá compor a chapa.

Bonoto começou a carreira militar no Exército, em 1991, e está na corporação desde 1994. Essa é a primeira vez que ele concorre à prefeitura.

O médico Kleber Amorim é o candidato a prefeito do Partido dos Trabalhadores, o PT. A chapa pura é tem a professora Bia, da Universidade Federal de Rondonópolis, como vice. O partido se reuniu no domingo (13).

Amorim já concorreu a outros cargos eletivos. Em 2004, tentou a Prefeitura de Porto Estrela e, em 2014, o Legislativo Estadual, mas não foi eleito em nenhuma das ocasiões.

O professor Carlos Eduardo é o candidato do Podemos para a prefeitura. O partido ainda deve definir a composição da chapa e anunciar o nome do vice.

O paranaense ministra aulas no curso de Ciências Econômicas na Universidade Federal de Rondonópolis e tem doutorado pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

Kleison Teixeira concorre pelo Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), que lançou chapa pura com Marcelino Dias como vice. O auxiliar administrativo também é estudante de Ciências Políticas e disputa o cargo pela primeira vez.

Vice-prefeito, Ubaldo Barros (Cidadania) tenta o cargo de prefeito em 2020. A chapa dele tem Eliezio Nascimento como vice. Ubaldo é professor de Física da UFMT e bacharel em Direito.

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

  1. O Cláudio Paisagista é alinhado com o governo bolsonaro, então se for eleito podemos esperar mais queimadas e nossa cidade despencado de segunda economia do estado para última. Prefiro até que o petista seja eleito, mas jamais um político que se identifique com um governo facista.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVeja quem são os sete candidatos à Prefeitura de Sinop
Próximo artigoEntre novos e velhos nomes, Cuiabá terá oito candidatos a prefeito