Filho esfaqueia o pai no pescoço e vai a batalhão da PM para se entregar

O pai havia tentado impedir que o filho esfaqueasse a irmã, de 15 anos, e acabou se tornando a vítima

Foto Ilustrativa/Ednilson Aguiar/ O Livre

Uma família inteira foi parar na delegacia na noite desse domingo (20) depois de uma confusão que acabou com o filho, de 22 anos, esfaqueando o pai, de 44 anos, depois que o este tentou impedi-lo de esfaquear a irmã, de 15 anos.

O caso aconteceu no Bairro Cristo Rei, em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá), por volta das 23 horas. A Polícia Militar chegou ao caso porque o próprio jovem foi até o 25º Batalhão da PM e se entregou.

Conforme o boletim de ocorrência, a adolescente e o irmão se desentenderam e, para encerrar a discussão, a menina saiu de casa.

O irmão, porém, fora de si, pegou uma faca e foi em direção à irmã. Vendo a cena, o pai entrou em luta corporal com o filho para impedi-lo de machucar a irmã.

Em meio à briga dos dois, o filho acabou esfaqueando o próprio pai, causando um corte no pescoço dele e quebrando o cabo da faca utilizada.

Assim que cometeu o crime, o rapaz foi até o 25º Batalhão da Polícia Militar, entregou-se e contou o que tinha acontecido.

Uma equipe da PM foi enviada à casa da família e encaminhou o pai à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Bairro Cristo Rei. Ele foi medicado e, assim que liberado, encaminhado à Central de Flagrantes de Várzea Grande com o filho.

O caso foi registrado como tentativa de homicídio doloso.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

O LIVRE ADS