Festival Braseiro vira referência nacional no segmento

Em Rondonópolis, edição de 2019 atingiu 5,3 toneladas de carne servidas e R$ 315 mil revertidos em doações

O Festival Braseiro é referência nacional do segmento devido à dimensão alcançada em três anos de realização do evento. Em Rondonópolis, no ano passado, 3,5 mil pessoas estiveram presentes no festival de churrasco e consumiram 5,3 toneladas de carne em 56 estações de alimentação.

Além da valorização da carne mato-grossense, um dos principais objetivos do evento é apoiar causas sociais. Toda a renda obtida é revertida para instituições filantrópicas beneficentes. O ano de 2019 fechou com uma arrecadação diferenciada, de aproximadamente R$ 563 mil totais. Só o evento de Rondonópolis arrecadou cerca de R$ 315 mil, doados para 13 instituições da cidade.

A Associação Rondonopolitana de Pessoas com Transtorno Autista (Arpta) é beneficiada pelo Braseiro há três anos. A associação, que tem caráter assistencial, beneficente e sem fins lucrativos, foi criada em 2011 a partir da união dos esforços de pais de crianças com transtorno autista.

Em 2017, A Arpta foi contemplada com a doação de R$ 11,7 mil, tudo revertido em mobília como mesas, armários, fichários, cadeiras de escritório, impressoras, computadores e cadeiras de plástico. Em 2018, a Arpta trabalhou no dia do festival e arrecadou pouco mais de R$ 3,1 mil com o “bar quente”. E em 2019, a doação do Braseiro foi de R$ 22,7 mil, revertidos na compra de equipamentos como aparelhos de ar-condicionado, geladeira, impressora, computador, dentre outros, para a nova sala de terapia ocupacional da organização.

“A sala de terapia ocupacional foi totalmente equipada para atendimento das pessoas com transtorno autista e demais utensílios para funcionamento da associação que, em janeiro, deve iniciar os atendimentos na sede. Agradecemos imensamente ao Festival Braseiro pela iniciativa e por proporcionar a tantas instituições filantrópicas a realização e manutenção dos nossos sonhos”, conta, emocionada, a presidente da Arpta, Rosemary de Aquino Pinto Piovesan.

Próximas edições

Os preparativos para o Festival Braseiro 2020 já começaram. Segundo a coordenadora de eventos da iniciativa, Aline Pellozo, as inscrições das instituições interessadas em receber doações devem começar em fevereiro. Para isso, precisam ficar atentas ao site do Braseiro.

“É importante frisar que a entidade precisa ser regularizada. Depois de preencher todos os dados e separar a documentação, é só enviar tudo por e-mail. As instituições selecionadas ainda passarão por uma análise da Comissão Julgadora, que realizará visitas in loco para conhecer a realidade de cada entidade. Depois da avaliação de uma série de critérios é que são selecionadas aquelas que serão beneficiadas diretamente pelo Festival”, explica a coordenadora do evento.

No Festival Braseiro, o público conta com um serviço ilimitado de alimentação e bebidas (cerveja, refrigerante e água) e, ainda, com mais de 50 estações com diferenciados cortes de carne. “E é sempre bom reforçar que a primeira chamada para o Festival Braseiro é realizada pelas nossas redes sociais. Então, fiquem atentos, porque o Braseiro 2020 promete!”, finaliza Aline Pellozo.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMapa unifica normas para fiscalização de vinhos nacionais e importados
Próximo artigoRyan Reynolds, o Deadpool, transforma piada em ação solidária e arrecada R$ 1,2 mi