Solidariedade e emoção: família que mora na beira de esgoto vive um dia especial

A história comovente de uma família que vive as margens do esgoto, tocou o coração de 24 voluntárias, que transformaram a festa em um dia inesquecível.

(Foto: Suellen Pessetto/ O LIVRE)

Pupa-pula, algodão doce, brigadeiro, pipoca, cachorro quente e muito amor ao próximo. Foram esses os ingredientes que deram o tom da festa organizada por um grupo de voluntárias que leram a história contada pelo LIVRE em julho deste ano relatando o sofrimento de uma família de oito pessoas, que moram em um pequeno cômodo na beira de um esgoto em Cuiabá.

Um grupo de 24 mulheres, mesmo sem nunca terem se visto, se uniram e, através do WhatsApp, organizaram a festa de aniversário dos seis filhos de Simone. Em menos de 20 dias tudo estava pronto. As crianças puderam ter um dia especial e apagar as velinhas do enorme bolo, junto aos amiguinhos da vizinhança.

Jailcy Polla, uma das mulheres engajadas a ajudar, contou a sensação ao ver as crianças recebendo os presentes. “Poder fazer parte da realização do sonho da Simone foi muito gratificante. A maioria das pessoas que se uniram, têm filhos e fazem até mais de uma festinha por ano para seus filhos (uma na escola e uma fora) e os filhos de Simone nunca tiveram isso. O amor, a união e pensar no próximo são o caminho para um mundo melhor. Nunca vou esquecer daqueles olhinhos brilhando”, disse emocionada.

A festa

Na tarde do último sábado (18) o triste cenário de esgoto e lixo deu lugar a balões e sorrisos. A paisagem cinza foi ofuscada pelas fantasias coloridas dos pequenos, que, vestidos de Branca de Neve, Batman e bailarina, puderam vivenciar um momento lúdico. Animadores de festa, fotógrafos e uma mesa farta de guloseimas enchiam os olhos daquelas crianças, que até então se conformavam com a polenta feita pela mãe. A humilde varanda ficou pequena para os 50 convidados: mães e crianças que moram na redondeza e acompanham o sofrimento de Simone.

(Foto: Suellen Pessetto/ O LIVRE)

Priscila Squinello Nogueira contou o quanto se sentiu realizada em poder ajudar a família. “Hoje eu presenciei como a corrente do bem pode transformar a vida das pessoas. A maioria de nós não se conhecia, mas lidamos como velhas conhecidas no grupo de WhatsApp, não medindo esforços para realizar o sonho de uma família. Foi totalmente gratificante”, vibrou.

Mas não foram somente as crianças que ganharam um dia especial. A mãe Simone também teve seu momento de rainha e ganhou do salão “Beleza e Harmonia”, no bairro Morada do Ouro, embelezamento nas mãos e pés, além de hidratação e escova nos cabelos.

A todas voluntárias que chegavam, Simone mostrava as mãos com as unhas pintadas como forma de agradecimento. Mãos que ainda continuavam calejadas, mas agora com um toque feminino.

“Eu nem me lembro a última vez que pintei minhas unhas. Nunca sequer pisei em um salão. Eu fui tão bem recebida, sai de lá me sentido amada e mais bonita”, disse Simone envaidecida.

Simone discursou agradecendo a todos que colaboraram para a realização de seu sonho (Foto: Suellen Pessetto/ O LIVRE)

A simplicidade e história de vida de Simone comoveu a cabeleireira Joyce Alves Gomes. “Eu soube da história dela através da minha cliente Fernanda, que é uma das voluntárias. A Simone me conquistou. Enquanto eu cuidava do seu cabelo, ela foi me contando seus perrengues do dia-a-dia. E um deles foi a forma como estoca água, um tambor de ferro no meio do quintal, sem tampa e que está enferrujado. Não pensei duas vezes e doei minha caixa d’água para Simone”, contou Joyce, que doou uma caixa d’água de polietileno com capacidade para 500 litros.

As manicures também foram cativadas por Simone e não cobraram pelo serviço. Elas ainda se uniram para levar mantimentos até a casa da nova amiga. Além da festa organizada, a família ganhou doações de alimentos, roupas e sapatos.

A amizade que nasceu de um simples grupo de WhatsApp fez surgir um perfil no Instagram – Solidariedade Cuiabá – para ajudar tantas outras famílias que vivem em situação de miséria como a de Simone e seus filhos.

Entre um abraço e outro, e lágrimas de emoção, Simone logo tratou de pegar o microfone e discursar: “o que vocês fizeram pelos meus filhos hoje vai ficar para sempre em nossas memórias. Realizaram o sonho de uma mãe desesperada. Que Deus abençoe todos vocês”, agradeceu.

Os agradecimentos se estenderam ao fotógrafo Neliomar Neres – que presenteou a família com um álbum de fotos – a mimos e Mimos decoração e à animadora infantil Tia Lili.

O LIVRE viveu esse momento junto a Simone, o esposo e os filhos e traz os melhores momentos da festa. Confira!

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.