|terça, 13 novembro 2018

Falso dentista é detido ao ser flagrado atendendo ilegalmente em Cuiabá

O auxiliar de protético J.V.M.S., 41 anos, estava sendo investigado há dois meses

COMPARTILHECOMPARTILHE

Um homem que exercia ilegalmente a profissão de dentista foi detido nessa quinta-feira (13) ao ser flagrado atendendo um paciente, no bairro Novo Paraíso, em Cuiabá.

O flagrante ocorreu durante vistoria da Delegacia Especializada do Consumidor (Decon), do Procon Municipal e de fiscais do Conselho Regional de Odontologia de Mato Grosso (CRO-MT).

O auxiliar de protético J.V.M.S., 41 anos, estava sendo investigado há dois meses, e supostamente realizava diversos procedimentos relacionados à área de atuação dos cirurgiões-dentistas sem a devida habilitação e inscrição no Conselho.

Na clínica em que ele atendia também foram encontrados receituários – sem o nome completo e número de registro profissional –, que o investigado utilizava em orçamentos para clientes. O material foi entregue para a Decon como evidência do exercício ilegal da profissão.

Segundo o presidente do CRO-MT, Luiz Evaristo Volpato, o processo de investigação foi iniciado por meio de uma denúncia anônima. “Recebemos a informação de que o suposto profissional exercia a função de cirurgião-dentista sem a devida formação e registro profissional. Fato que foi constatado pela fiscalização”.

Volpato complementa que, “após a fiscalização e o registro do boletim de ocorrência, o CRO protocolou uma notificação e irá entrar com processo contra a clínica e a responsável técnica pelo estabelecimento por acobertamento de irregular”, explica. O boletim de ocorrência foi registrado pelo delegado Antonio Carlos de Araújo.

Legislação

De acordo com a Lei nº 5.081/66, o exercício da Odontologia só poderá ser praticado por cirurgiões-dentistas habilitados, com diploma de graduação e registro no Conselho Regional de Odontologia (CRO) do Estado. O Código Penal, em seu artigo 282 pune o exercício ilegal da Odontologia sem habilitação ou diploma com uma pena de seis meses a dois anos de prisão e cumulada à multa.

Denúncias

Denúncias sobre a suspeita de atuação clandestina e demais irregularidades relacionadas a Odontologia podem ser feitas pelo telefone 0800 723 2510 / (65) 3644-2002, por e-mail ([email protected]) ou por meio do site do CRO-MT (http://www.cromt.org.br/denuncia), de forma anônima.

Deixe um comentário

Please enter your name here
Please enter your comment!

DESTAQUES

Bairro Cuiabá História Municípios Policia
Cuiabá sedia maior evento de sustentabilidade da América e entra para a agenda mundial 
Piloto que sobreviveu a queda de avião passa por cirurgias diárias para tratar queimaduras
“Não se faz omelete sem quebrar os ovos”, diz Emanuel sobre obras de saneamento
Assembléia Legislativa Câmara Municipal Eleições 2018 Governo Judiciário Partidos Prefeitura
Gilmar Fabris pede para condenação ser suspensa e STJ nega
Servidores vão parar por um dia em protesto pelo não pagamento da RGA
Eumar Novacki é convidado para assumir Casa Civil do Distrito Federal
Agricultura Agropecuária Economia Agrícola Indicadores Agrícolas Pecuária Tecnologia Agrícola
Leilão Nelore Água Fria em Marabá oferta 100 touros PO e 5 mil bezerros
Tereza Cristina tem encontro com Bolsonaro e almoço com deputados
Farm Show comemora recordes e se prepara para 2019
Artes Cênicas Artes Plásticas Artesanato Cinema Comportamento Cultura Popular Gastronomia LIteratura Música
Cinemark estreia documentário sobre a banda Coldplay em sessão única nesta 4ª
No Carnaval 2019, Bode do Karuá cantará os 300 anos de Cuiabá e duas décadas de samba
Mostra de Cinema Negro anuncia premiados na 3ª edição; mato-grossense está na lista!
Corrupção Economia Eleições Estados Política
Agricultura deverá assumir pesca, pequenos produtores e Incra
Bolsonaro vai manter Trabalho com status de ministério
Reveillon 2019: cuiabanos organizam excursão para assistir a posse de Bolsonaro
Concurso Dicas Estágio Vagas de Emprego no Mato Grosso
Últimos dias para inscrição em concurso com salário de até R$ 18 mil; veja oportunidades
Concurso público: MT tem mais de duas mil vagas; salários chegam a R$ 18 mil
Termina neste domingo inscrição para concurso da Prefeitura; salários chegam a R$ 5 mil
X