Exportação do milho mato-grossense aumenta 54,3% em 2019

Maior volume produzido e demanda internacional aquecida ocasionaram o aumento na participação do Estado nos envios brasileiros

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

As exportações do milho produzido no Brasil somaram 28,9 milhões de toneladas de janeiro a setembro deste ano. Volume 130,3% maior que o acumulado no mesmo período de 2018. Desse total, Mato Grosso participou com 52,4% do total enviado para o exterior. Apesar de significativa, a participação do Estado vem caindo nos últimos meses, pautado pela grande procura do mercado interno.

De acordo com o último relatório do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (Mdic), as exportações mato-grossense somaram 15,1 milhões de toneladas no acumulado deste ano. Quantidade bem acima dos 9,8 milhões de toneladas observado em 2018. Tal ampliação se deve, principalmente, à produção do grão em maior escala, seguida da demanda externa mais aquecida.

O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), destaca como “fato curioso”, a mudança nas posições dos maiores importadores de milho até setembro. Agora, liderada por Vietnã com 1,6 milhões de toneladas, seguido por Egito com 1,5 milhões de toneladas e Marrocos com 563 mil toneladas.

Ainda afirma que com o bom desempenho observado neste período “é esperado um volume superior ao de 2018, visto que ainda restam três meses para o encerramento desse ano e 14,3% para alcançar a quantidade escoada no ano passado”, afirma o Imea.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPersonalidades em luto
Próximo artigoBarroso vota favorável à prisão após condenação em segunda instância

O LIVRE ADS