Ex-vice de Silval na área

Chico Daltro declarou R$ 377 mil, incluindo um veículo de R$ 4,5 mil

Foto: Governo de Mato Grosso

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) aceitou, nesta segunda-feira (27), a candidatura do ex-vice-governador Chico Daltro (PRB), que nas eleições deste ano concorre ao cargo de deputado estadual.

Chico Daltro, que foi vice do ex-governador Silval Barbosa (sem partido), em 2014 concorreu ao cargo de deputado federal, mas não foi eleito.

No pleito deste ano, Daltro está filiado ao PRB, mesma sigla do deputado federal e candidato ao Senado Adilton Sachetti, que conta com apoio declarado do ministro da Agricultura, Blairo Maggi (PP).

Bens declarados à Justiça

O ex-vice-governador declarou à Justiça Eleitoral possuir um veículo automotor de R$ 4,5 mil, um apartamento de R$ 53,3 mil, e dois bens imóveis, sendo um de R$ 80 mil e outro de R$ 240 mil. A soma dos bens declarados é de R$ 377,8 mil.

Comparando com a disputa da eleição passada, os bens declarados de Daltro diminuíram significativamente. Em 2014 ele declarou à Justiça Eleitoral R$ 1,58 milhão.

Desses, R$ 1.050 milhão era em dinheiro depositado em uma só conta corrente. Eram dois veículos declarados, um de R$ 60 mil e outro de R$ 4,5 mil. O de valor menor é um fusca ano 68. E ao que indica é o mesmo que foi declarado este ano.

Os bens de Chico Daltro diminuíram ainda mais quando comparado com 2010, ano em que foi eleito vice-governador. Os bens declarados à época foram de R$ 5.240 milhões. De 2010 a 2018, o postulante a uma das vagas da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) reduziu R$ 4,8 milhões em bens.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPrimeira edição do Fashion Kids acontece no 3 Américas
Próximo artigoApresentadora de TV é pedida em namoro ao vivo; veja vídeo