Ex não aceita fim de relação e mata jovem com uma facada no pescoço

Duas crianças viram o suspeito pulando o muro da casa da vítima, com uma faca na mão e ensanguentado

Daiane Barbosa era vítima de violência doméstica e havia se separado há uma semana

Uma mulher de 30 anos identificada como Daiane Oliveira Barbosa foi assassinada no início da tarde dessa quinta-feira (18) em uma residência no Bairro Setor Vila Nova, em Confresa (1.160 km de Cuiabá).

O principal suspeito é o ex-companheiro dela, de 25 anos, que, segundo a família, vinha ameaçando Daiane por não aceitar o término do namoro. Ele teria sido visto por duas crianças pulando o muro da casa, ensanguentado.

O assassinato aconteceu por volta das 13h50. Daiane foi morta com uma facada no pescoço. A tia dela foi quem chamou a polícia, afirmando que o ex-namorado havia matado sua sobrinha.

Conforme o boletim de ocorrência, a tia contou à polícia que o casal havia terminado há cerca de uma semana e o suspeito havia feito diversas ameaças contra a vítima.

Logo depois do crime, duas crianças de sete e 13 anos, que são vizinhas da vítima, conheciam o suspeito e estavam indo ao mercado, viram o acusado pulando o muro da casa, com uma faca nas mãos e sujo de sangue.

A tia contou à polícia que a sobrinha era agredida, ameaçada e mantida em cárcere privado com frequência enquanto morava com o suspeito.

Daiane sempre aparecia com hematomas pelo corpo. Porém, a família não sabia onde o casal morava e só pôde ajudá-la após o término. Porém, o suspeito não aceitava a separação.

O caso está sendo investigado pela Polícia Judiciária Civil, e as policiais Militar e Civil estão em busca do acusado.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDo armário para o rio
Próximo artigoEx-deputado deverá pagar R$ 103,9 mil por “comentários homofóbicos”