Ex-ministro da Educação comemora adesão à nova técnica de alfabetização pelo país

Para o ex-ministro, a nova técnica de alfabetização pode enterrar o método Paulo Freire e acabar com a "doutrinação ideológica" nas escolas

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

Nesta quinta-feira (19), o ex-ministro da Educação, Abraham Weintraub, comemorou a adesão da nova técnica de alfabetização pelo Brasil. Ela pretende melhorar o nível de leitura dos alunos e acabar com a “doutrinação ideológica” nas escolas.

Pelo Twitter, Weintraub comentou a conquista e lamentou que tenha sofrido uma campanha de “linchamento virtual” enquanto era ministro. Para ele, a nova técnica de ensino pode enterrar o método Paulo Freire.

“Valeu a pena lutar? SIM! 70% dos Estados e 75% dos municípios já aderiram VOLUNTARIAMENTE à nova técnica de alfabetização! ‘Especialistas’ que parasitam o Brasil gritaram, ME DIFAMARAM, porém perderam. A luz vence as trevas, Paulo Freire será enterrado e crianças serão salvas”, escreveu o ministro.

Desde que deixou o cargo, em junho desse ano, o ex-ministro vem colaborando com o governo voluntariamente, mesmo morando nos Estados Unidos.

Veja a publicação original 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorEscolaridade dos novos prefeitos de MT é abaixo da média nacional
Próximo artigoGolpe da intimação