Estudos da Semob alteram local de embarque de linhas de ônibus no centro de Cuiabá

Prefeitura já tinha definido modelo de ponto para o local mas a proposta foi descartada devido a retomada do VLT

Foto: Divulgação/Sicom

A Prefeitura de Cuiabá deu início aos estudos para instalação de futuros pontos de ônibus em frente à Praça Ipiranga, localizada nas avenidas Tenente Coronel Duarte com a Generoso Ponce, nesta quarta-feira (31). Com isso, o embarque e desembarque de algumas linhas de ônibus precisaram ser remanejados.

Coordenado pela equipe de engenharia da Secretaria de Mobilidade Urbana, e sendo parte do pacote de obras para a comemoração dos 300 anos de Cuiabá, o estudo deve apontar qual é o melhor modelo de ponto de ônibus para atender a demanda da região.

De acordo com o secretário de Mobilidade Urbana, Antenor Figueiredo, já nesta semana a equipe começa a retirada dos meios-fios para medição e alguns testes de modelos de baias de ônibus.

O secretário também explicou que, inicialmente, a proposta da prefeitura era implantar um modelo semelhante a Estação Alencastro. No entanto, como existe a possibilidade de o VLT ser concluído, a equipe analisou que a melhor escolha não seria o modelo de alvenaria e sim um modelo que não fosse fixo. Por isso a necessidade dos novos estudos.

[featured_paragraph]“Com essa questão da possível conclusão da obra do VLT, não seria viável instalar no local, módulos fixos. Então, solicitei que a equipe estudasse algo que atendesse à demanda, sem interferência na qualidade do serviço e ao mesmo tempo fosse reaproveitado, caso tenha que ser removido futuramente”, disse. [/featured_paragraph]

Embarque alterado

Por conta do início dos estudos, o embarque e desembarque das linhas intermunicipais 055, 024 e 007b – sentindo Várzea Grande – foram remanejados para o ponto próximo à Loja Ricardo Eletro já nesta quarta-feira.

Para orientar a população, os agentes de trânsito e os fiscais do transporte público estiveram no local.

“Foi deslocada uma equipe para a região, no intuito de orientar os que trafegam ali, de forma a evitar grandes transtornos. Pedimos a colaboração e compreensão da população e asseguramos que o serviço não sofrerá mudanças, além da questão do local de embarque e desembarque”, garantiu o diretor de Transporte Público, Nicolau Budib.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGilmar Fabris reverte condenação no STJ e deve garantir vaga na Assembleia Legislativa
Próximo artigoVazamento de delação

O LIVRE ADS