Estudo diz que as pessoas com mais de 40 anos deveriam trabalhar apenas 3 dias por semana

Os anos vão passando e a energia vai "caindo"...

Trabalhar cansa. É verdade! Mas também edifica e dá grandes propósitos para conquistar os sonhos e objetivos de cada um. Entretanto, é fato que conforme envelhecemos, a energia vai “caindo”.

Confirmando esse fato biológico um novo estudo afirma que pessoas que já superaram os 40 anos devem trabalhar apenas três dias em uma semana inteira.

O estudo australiano realizado pelo Instituto de Economia Aplicada e Investigação Social da Universidade de Melbourne publicado em 2016 chegou a essa conclusão visando aprimorar qualidade de trabalho e rendimento.

Nesse estudo, 3500 mulheres e 3000 homens trabalhadores, aposentados e desempregados foram analisados através de um teste cognitivo que revelou seus hábitos. O teste consistia em os participantes lerem em voz alta, falarem uma lista de números por ordem decrescente e associarem letras e números num limite de tempo preestabelecido.

O professor Colin McKenzie da Universidade de Melbourne, autor do estudo, afirma que “conhecer” e “pensar” são indicadores significativos. Os testes de leitura são o elemento “conhecedor” da capacidade, e a parte do “pensamento” compreende o raciocínio da memória, a execução e a abstração.

Em entrevista ao jornal britânico The Times, McKenzie afirmou que muitos países procuram elevar a idade da aposentadoria fazendo com que as pessoas trabalhem mais tempo porque só poderão reclamar seus benefícios quando a velhice chegar, restando menos tempo de vida.

Após o teste, a constatação foi de que as pessoas que trabalham 25 horas por semana se saem muito melhor do que as que trabalham 55 horas.

Os pesquisadores do estudo escreveram que “o trabalho pode ser ‘uma faca de dois gumes’. Estimula a atividade cerebral, mas, em longas horas e em uma série de funções repetitivas pode causar fadiga e estresse”.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVoo Cuiabá-Bolívia
Próximo artigoGoverno federal reúne secretários de Saúde para discutir sobre a proliferação do coronavírus

O LIVRE ADS