Estudantes da rede estadual se apresentam na Arena Pantanal

Cantar para mais de 2.500 pessoas, entre estudantes, profissionais da rede pública de Educação e autoridades. Esse foi o desafio da aluna Marina da Silva Araújo, de 13 anos, durante a entrega dos 800 mil uniformes, que ocorreu na Arena Governador José Fragelli, em Cuiabá, na tarde desta quarta-feira (21.03).

A jovem, que estuda na Escola Estadual José Garcia Neto, em Várzea Grande, não escondeu o nervosismo. Mas, ainda assim subiu ao lado dos amigos para soltar a voz e entreter os colegas. “Canto desde pequena, mas essa é a primeira vez que canto para tantas pessoas. Fiquei nervosa, mas fizemos um bom trabalho”, disse ela.

Além da apresentação de Marina e dos seus colegas, a dupla sertaneja Jonatan e Adam também animou o público. A emoção maior ficou por conta da apresentação dos estudantes do Centro Estadual de Apoio ao Deficiente Auditivo (CEADA).

A professora Rosenil Sales foi a responsável em preparar os 60 estudantes para o espetáculo, que faz parte do projeto “Mãos Talentosas”.

“Essa atividade se dá por meio do canto e da dança, expressados na Linguagem Brasileira de Sinais (Libras). Buscamos alinhar as apresentações com questões pedagógicas e relacionadas à vida dos estudantes”, explicou.

Com o auxílio de uma interprete de Libras, Dafne Silva contou que gostou muito de se apresentar na Arena. “Gostei muito, todos me olhando, foi emocionante. Me esforcei muito e agradeço o trabalho da professora Rosenil”, disse.

Ao final da cerimônia, o governador Pedro Taques convidou todos os estudantes para uma foto no gramado.O convite pegou o estudante Renato Santos de surpresa. “Eu nunca tinha vindo aqui dentro, só conhecia por fora. Além de conhecer, estou podendo pisar no gramado em que a bola rolou durante a Copa do Mundo, estou muito feliz”, comemorou.

Transformação

Conforme o secretário de Estado de Educação, Esporte e Lazer, Marco Marrafon, a entrega de uniformes promovida pelo Governo do Estado e Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) simboliza a inclusão social.

“Tudo isso aqui é para vocês. Sonhem com o futuro, que juntos vamos construir uma nova educação”, enfatizou.

Ao todo, serão entregues 800 mil uniformes escolares, que pelo terceiro ano consecutivo está sendo fornecido graças a uma parceria com a Associação Mato-grossense dos Produtores de Algodão (Ampa).

Os uniformes são dados às escolas, que trocam aos estudantes por valores simbólicos, que variam de R$ 3 a R$ 5. O dinheiro é todo voltado à instituição de ensino, que pode investir em projetos pedagógicos.

O evento contou ainda com a presença dos secretários adjuntos de Educação e representantes da Ampa.

Com Assessoria 

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorJuíza recebe denúncia por propaganda de Bolsonaro em Alta Floresta
Próximo artigoGuilherme Briggs dubla vídeo de Henry Cavill se despedindo de polêmico bigode