“Entrego a faixa a quem ganhar”, diz Bolsonaro sobre eleições de 2022

Entretanto o presidente voltou a dizer que apenas com o voto auditável haverá eleições seguras

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

Em conversa com apoiadores nesta sexta-feira (09), o presidente Jair Bolsonaro voltou a defender o voto “impresso” nas eleições de 2022. Entretanto, Bolsonaro afirma que aceitará democraticamente o resultado das eleições, desde que as eleições sejam limpas.

Ainda de acordo com o presidente, apenas o voto auditável poderá garantir a segurança da eleição do próximo ano.

“Não tenho medo de eleições. Entrego a faixa a quem ganhar. No voto auditável. Nessa forma [de hoje], corremos o risco de não termos eleição no ano que vem. É o futuro de vocês que está em jogo”, afirmou Bolsonaro.

Barroso “idiota”

Bolsonaro ainda fez críticas ao presidente do Tribunal Eleitoral Eleitoral, Luís Roberto Barroso, a quem classificou como “imbecil” e “idiota” devido a suas falas contra o voto auditável.

“É uma resposta de um imbecil. Eu lamento falar isso de uma autoridade do Supremo Tribunal Federal [STF]. Só um idiota para fazer isso aí”, concluiu Bolsonaro.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anterior70% empregados: como anda o mercado de trabalho para enfermeiros?
Próximo artigo“Eleição vai haver, eu garanto”, diz Barroso em resposta a Bolsonaro