Ensino técnico: 7 em cada 10 alunos têm interesse, mas 54% não conhecem nenhuma escola

Pesquisa realizada com estudantes mostrou que, para 53% deles, não há nenhuma escola desse tipo perto de casa

(Foto: Charlotte May / Pexels)

Eles têm interesse, mas não sabem onde encontrar. Uma pesquisa feita com cerca de mil jovens que estão no últino ano do ensino fundamental ou primeiro do ensino médio mostrou que 69% considerariam ingressar em uma escola técnica, mas 54% não conhecem nenhuma e 45% sequer já ouviram falar de uma instituição desse tipo.

A pesquisa foi encomendadapelo Itaú Educação e Trabalho e pela Fundação Roberto Marinho, realizada pela Plano CDE, empresa especializada em avaliação de impacto. Foram ouvidos jovens estudantes de todas as regiões do país.

A maioria (77%) disse ter baixo ou nenhum conhecimento sobre o ensino técnico mas 93% concordaram que deveria haver oferta de o ensino profissionalizante nas escolas para todos os estudantes que tiverem interesse.

Além disso, 84% acham que há poucas escolas com essa modalidade de ensino. Para 53%, não há nenhuma perto de casa, por exemplo.

“Este estudo é de extrema importância, porque destaca a relação entre escola e trabalho, a partir de dados que chamam a nossa atenção: 90% dos estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental e 1º ano do Ensino Médio consideram que a escola deveria prepará-los para o mercado de trabalho”, destaca o secretário geral da Fundação Roberto Marinho, Wilson Risolia.

Trabalho vs faculdade?

A pesquisa também revelou que 75% dos alunos entrevistados acreditam que a escola prepara pouco ou nada para o mundo profissional. Ao mesmo tempo, 56% dizem que o ensino técnico facilitaria a entrada na faculdade.

Apesar do baixo conhecimento sobre o ensino profissional, os estudantes têm atitudes positivas em relação à modalidade. É visto como de boa qualidade e como boa opção de preparação tanto para o vestibular quanto para o mundo do trabalho. Entretanto, o acesso é ponto de atenção, modalidade é vista como concorrida, difícil e com baixa oferta de escolas.

(Com Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGravidez na adolescência: índice de MT cai quase 40%
Próximo artigoCáceres: Praia da Carne Seca foi considerada inadequada para banho