Enquanto isso, no Palácio Alencastro…

Todo mundo quer saber como andam as coisas no 7º andar da prefeitura de Cuiabá

Depois que a juíza Célia Regina Vidotti negou o pedido do Ministério Público para afastar o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB), é grande a curiosidade em relação a como a administração municipal vai caminhar a partir de agora.

Mesmo continuando no cargo, Emanuel teve os bens bloqueados e optou por não falar sobre o processo, que corre em segredo de justiça.

Nesta manhã de sexta-feira (11), um funcionário do 6º andar do Palácio Alencastro (um andar abaixo da janela do prefeito) flagrou um urutau (Nyctibius grises) tentando descobrir o que anda acontecendo na cúpula do poder municipal.

Em tempo: “urutau”, em tupi-guarani, significa “ave-fantasma”. Os índios deram esse nome à ave porque ela sabe usar suas plumas para se camuflar perfeitamente. E guarda segredos como ninguém.

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSobe para cinco número de mortes por influenza em Mato Grosso
Próximo artigoSopa Egípcia relembra memória afetiva da família Al Manzul