Energisa anuncia investimento de R$ 87 milhões para regional de Rondonópolis

Investimentos possibilitam a divisão das cargas, aumentando a flexibilidade e a capacidade de atendimento aos clientes

A Energisa deve realizar em 2022 um investimento de R$ 87 milhões no polo regional de Rondonópolis. O dinheiro será usado para ampliar a capacidade de distribuição de energia, deixando a rede na região cada vez mais robusta e pronta para o crescimento econômico e dos bairros.

A subestação central da cidade passou recentemente por um investimento de R$ 10 milhões em obras de melhorias, entregues em outubro. Além do centro, outros bairros no entorno também foram beneficiados com a ampliação da potência.

“São 45 mil novos imóveis que podem ser atendidos”, explica Amaury Damiance, diretor técnico e comercial da Energisa em Mato Grosso.

De acordo com o IBGE, a maior parte dos 240 mil habitantes está na região central do município, que também recebeu três novos alimentadores de energia. Os equipamentos possibilitam a divisão das cargas, aumentando a flexibilidade e a capacidade de atendimento aos clientes.

“Para exemplificar, é como se a cidade fosse uma grande casa, que tem um disjuntor central. Imagine você ir aumentando essa casa, fazendo novos quartos, salas. Lógico que para isso, são necessários novos disjuntores para atender e deixar a rede mais segura. Além disso, se você tiver que trocar um chuveiro, você desliga só parte da casa. E é mais ou menos isso que estamos fazendo na cidade. Criando soluções para que, se houver necessidade, cada vez menos pessoas sejam impactadas por uma eventual interrupção”, comenta Murilo Marigo, gerente de serviços comerciais na Energisa em Mato Grosso.

(Da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAcima do crescimento chinês
Próximo artigoEmpresários de Cuiabá encerram o ano com confiança na economia