Empresas apresentam propostas para concessão de 512 km de rodovias em MT

Concessões abrangem três lotes de rodovias nas regiões Sudeste, Centro-Sul e Norte de Mato Grosso e têm prazo de 30 anos

(Foto: Sinfra-MT)

Três empresas interessadas em participar do leilão de concessão dos três lotes de rodovias de Mato Grosso, totalizando 512 quilômetros, apresentaram propostas de preço durante sessão pública realizada nesta quinta-feira (19). O evento foi realizado na Bolsa de Valores, em São Paulo. A sessão antecede o leilão que ocorrerá no próximo dia 26, também na Bolsa de Valores.

As concessões abrangem as rodovias nas regiões Sudeste, Centro-Sul e Norte de Mato Grosso e têm prazo de 30 anos. Serão concedidos três lotes à iniciativa privada. São eles:

  • Lote 1, com 138,4 quilômetros da MT-220, no trecho entre Tabaporã e Sinop;
  • Lote 2, com 233,2 quilômetros, das rodovias MT-246, MT-343, MT-358 e MT-480, nos trechos de Jangada a Itanorte;
  • Lote 3, com 140,6 quilômetros da MT-130, entre Primavera do Leste e Paranatinga.

Para participar do leilão, as interessadas deveriam entregar até as 14h (horário de Brasília) de hoje os envelopes com as propostas de preço para cada um dos lotes que pretendiam assumir.

Além das propostas, as interessadas entregam as documentações exigidas no edital de concessão.

Lotes

No lote 1, entre Tabaporã e Sinop, duas interessadas entregaram os envelopes para a participação do leilão.  Para este lote, o valor do contrato soma R$ 1,173 Bilhão. O Capex (Capital Expenditure ou investimento previsto) é de R$ 267,726 milhões e o Opex (Operational Expenditure ou investimento para operação) é de R$ 481,775 milhões.

O lote 2 entre Jangada a Itanorte teve apenas uma interessada. O valor do contrato é de R$ 3,103 bilhões, sendo que o Capex é de R$ 815,901 milhões e o Opex é de R$ 755,991 milhões.

Já para o lote 3, entre Primavera do Leste a Paranatinga, foram duas interessadas. O valor do contrato é de R$ 1,719 bilhão, sendo o Capex de R$ 365,8 milhões e o Opex de R$ 654,3 milhões.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMP cobra R$ 1 milhão das Lojas Americanas e de shopping por desabamento de telhado
Próximo artigoVídeo | “Aborto é agressão ao corpo da mulher e assassinato”, diz Damares