Empresas “à beira do caos”

Associação diz que bares e restaurantes destaca que mesmo com empresas fechadas, número de novos casos continua aumentando

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

Empresários do ramo dos restaurantes e bares se manifestaram contra uma eventual renovação da quarentena obrigatória em Cuiabá. Eles também contestam as teses que apontam esse tipo de atividade econômica com uma das responsáveis pelo aumento no número de casos da covid-19. 

O prazo da quarentena atualmente em vigor em Cuiabá e Várzea Grande se encerra à meia-noite de desta quinta-feira (23). 

Em nota divulgada no fim desta manhã, a Associação Brasileira de Bares Restaurantes (Abrasel) em Cuiabá afirmou que “empresas estão tomando todos os cuidados com distanciamento, uso de máscaras, higienização das mãos, cuidando dos colaboradores e fornecedores”. 

Destacou ainda que mesmo com os estabelecimentos fechados, a taxa de contaminação continua a crescer na Capital.

“A prorrogação da quarentena vai acarretar um problema econômico enorme. Estamos à beira do caos!”, diz o documento, pontuando que o número de desempregados é que vai disparar, caso a medida se prolongue novamente. 

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPrefeitura já aplicou R$ 344 mil em multas a empresas que furaram a quarentena
Próximo artigoMúsica independente: Alternative Live Festival ganha segunda edição