Empresário reage a assalto e é assassinado com tiro no peito

Ladrão foi preso logo depois do crime

O empresário Alívio Massarolli, de 67 anos, morreu na madrugada dessa quarta-feira (25) depois de reagir a um assalto em sua casa, no centro de Tangará da Serra (240 km de Cuiabá) e ser alvejado pelo ladrão.

Informações preliminares dão conta de que Alívio chegava em casa com sua caminhonete quando foi rendido pelo ladrão, reagiu ao assalto e foi atingido no peito.

Conforme o boletim de ocorrência, vizinhos acionaram a Polícia Militar depois de ouvirem vários tiros na Rua 17, esquina com a Avenida Tancredo Neves, no centro da cidade.

Equipes da Polícia Militar foram até o local e viram que se tratava de um latrocínio – roubo seguido de morte. Testemunhas, então, descreveram as vestes e características do suspeito e indicaram o sentido para onde ele havia fugido.

A Polícia Militar foi em busca dele e o encontrou próximo à Rua 12, correndo sentido à Rua 23, do Bairro Jardim Uirapuru, pulando muros durante a fuga.

O suspeito, de 27 anos, acabou imobilizado em frente a uma sorveteria e tentou negar ter participado do latrocínio, mas câmeras de segurança da redondeza flagraram um homem com as mesmas vestes e características que ele fugindo. As imagens foram recolhidas pela Polícia Civil.

A arma do crime foi coletada pela Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec). O crime será investigado pela Polícia Civil, que apurará como tudo aconteceu, já que não há testemunhas oculares.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorApós 14 anos, empresas acusadas de fraudes em licitações são processadas
Próximo artigoBolsonaro na ONU passa o Brasil a limpo