Empresa reduz limite de cartões de crédito de clientes durante pandemia de coronavírus

Mesmo sem atraso de fatura, clientes relatam que os limites foram reduzidos sem nenhuma explicação da Calcard

(Foto: Reprodução)

Dezenas de consumidores insatisfeitos estão reclamando no grupo do Facebook “Aonde não ir em Cuiabá” que tiveram seus limites do cartão Calcard reduzidos repentinamente, sem aviso prévio e sem atrasar nenhuma fatura.

A redução de todos foi drástica e alguns conseguiram uma justificativa da empresa: a pandemia do coronavírus.

A primeira publicação apareceu no grupo do Facebook na manhã deste sábado (28) e em quatro horas já haviam mais de 150 comentários de clientes relatando a mesma situação.

Na publicação, dezenas de pessoas passaram a comentar que com as reduções chegaram a ficar com apenas 10% do limite.

“O da minha tia era R$ 21 mil o limite, ela nunca atrasou e eles diminuíram pra R$ 2.500, ela também ficou só o ódio, de certa forma vão perder mais assim”, comentou uma mulher.

Outro disse que de R$ 550, o limite dele passou para R$ 1, o mesmo aconteceu com uma mulher cujo limite era R$ 3 mil. Vários também relatam que o limite foi zerado.

O que diz a Calcard?

O LIVRE tentou contato via canais oficiais, já que a empresa não tem assessoria local, mas não obteve êxito. O espaço está aberto para a manifestação da empresa.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

  1. Boa noite !
    Então aconteceu comigo também , fiz a compra no mercado e na hora de pagar para minha surpresa o cartão sem limite , como assim não está atrasado , pedi para a caixa tentar passar novamente achando que houvesse algum erro, mas nada não tinha limite . Fiquei constrangida os próximos da fila me olhando, eu pensei comigo devem estar achando que sou caloteira . Falei com a moça do caixa esperar com a compra que eu iria até o carro buscar outro cartão que eu tenho do Banco do Brasil , pois não iria voltar pra casa sem minhas compras , pedi desculpa como se fosse culpada , agora vendo tantas reclamações, estou indignada com a ” Calcard ” sem um pingo de respeito com seus clientes .

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorJustiça suspende decreto que liberava a reabertura de casas noturnas e academias em Sapezal
Próximo artigoGoverno terá que pagar cirurgia de paciente com tumor no cérebro em hospital privado

O LIVRE ADS