Em cartaz no FDS, peça infantil O Rapto do Curupira trabalha a consciência ambiental

O Espaço InCasa apresenta neste domingo (01.12), às 19h, e às 20h30, a peça “O Rapto do Curupira”. Mesmo de um modo divertido, o espetáculo infantil vai abordar a situação do meio ambiente de um jeito sério. O Curupira desaparece e os animais ficam desprotegidos. Tem diversão, mas o tema é sério.

A comédia é de autoria da atriz Eloá Pimenta, com direção e produção supervisionada pelo idealizador da escola, André D´Lucca.

E para contar esta história 12 personagens dão vida ao espetáculo. Além do Curupira, encenado por João Paulo, de 8 anos, entra em cena o “Jornalista Fofoqueiro”, por Arthur Henrick, de 10 anos, que junto da “Investigadora Ninja”, por Emily, de 12 anos, se empenham para desvendar este mistério.

Enquanto isso, os animais estão apavorados, e tudo se transcorre entre os cômodos do InCasa, que viram cenário para o Macaco DJ, por Pietro Laras (11); a Zebra Antenada, por Katlyn Oliveira (11); o Leão Brincalhão, por Ruancarlos de Oliveira (11); a Fada Bailarina, por Julia Duarte (11); a Fada Roqueira, por Julia Pizarro (12); o Tatu Bola, por Alex Vicente (7); o Urubu Cheiroso, por Luiz Augusto (11) anos; o Panda Elétrica, por Isadora Zattar (7); e o Jacaré Pequeno, por Miguel Vicente (5), o mais novo da turma.

O trabalho faz parte da programação que celebra os três anos do Espaço InCasa, e do encerramento do módulo de Interpretação de Texto Teatral, realizado pelo mestre D´Lucca e Eloá Pimenta.

O Espaço InCasa fica na Rua das Violetas, 130. Os ingressos são limitados em 15 pessoas por sessão e estão a R$ 40 e R$ 20, meia entrada. Mais informações (65) 99292-9907 e (65) 99923-4263.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorEncontro sobre tecnologias do Google será neste sábado no Centro de Eventos do Pantanal
Próximo artigoJustiça liberta brigadistas suspeitos de queimadas em Alter do Chão

O LIVRE ADS