Em briga motivada por nudes, mulher arranca pedaços do companheiro com mordidas

Ele quebrou o celular dela ao encontrar as fotos; ela o espancou e quebrou toda motocicleta dele

(Ilustração/Pixabay)

Uma briga entre um casal, ela de 21 anos e ele de 30, no fim da madrugada deste sábado (18) terminou na delegacia com ambos ensanguentados. O homem ficou bastante ferido, após ser “atacado” pela companheira com mordidas, e teve partes do braço arrancadas com as agressões. A mulher chegou a quebrar um dente durante o ataque. O homem teria encontrado no celular da companheira fotos dela nua com outros homens quando o desentendimento começou.

O caso aconteceu no Bairro Jardim das Oliveiras, em Cuiabá, por volta das 05h30, quando o casal, que tem uma filha de três meses, chegava de um bar.

O homem acionou a Polícia Militar na quitinete onde a briga começou. Ele afirmou ter chamado a polícia para tentar impedir que a mulher continuasse a se aproximar dele e, também, por já ter apanhado outras vezes.

No local, a equipe encontrou primeiro o homem com marcas de mordidas por todo corpo, inclusive com algumas partes do braço em carne viva, e a motocicleta dele bastante danificada.

A mulher foi chamada e os dois foram encaminhados para a Central de Flagrantes de Cuiabá, onde ambos puderam contar suas versões dos fatos. A reportagem do LIVRE estava na delegacia e acompanhou o registro da ocorrência.

Conforme a versão do homem, o casal vinha tentando uma reconciliação, porém, ao chegar na quitinete, ele pegou o celular da companheira sem autorização e, segundo o relato dele, encontrou várias fotos de homens nus. Revoltado, ele questionou a mãe de sua filha sobre as imagens e dando início a uma discussão.

Com raiva, o homem quebrou o celular da mulher. Ela teria ficado “fora de si” e começou a agredi-lo. Na delegacia, a reportagem no LIVRE viu os hematomas no corpo do homem e sangue por toda a blusa da mulher, o companheiro, porém, afirmou que ele não reagiu às agressões.

Ainda segundo o homem, depois do “ataque”, a mulher teria quebrado toda a motocicleta dele, uma Honda CG 150 de cor verde, e o capacete, que estavam na frente da residência.

A mulher, no entanto, contesta parte da versão dada pelo companheiro. Ela confirmou que haviam chegado de um bar e que ele pegou o celular dela sem autorização. Porém, teria visto mensagens que não gostou e, por isso, quebrou o aparelho, dando início à discussão e às agressões dela.

Ela afirmou, porém, que ele também a agrediu com socos e chutes, causando, segundo o boletim de ocorrência, lesões nos lábios, punhos e chegando a quebrar um dente dela – que na versão do companheiro foi quebrado com mordidas nele.

Como o casal não entrava em consenso, ambos foram registrados no boletim de ocorrência como suspeitos, acusados de lesão corporal, injúria, vias de fato e dano. O caso foi encaminhado para a Polícia Judiciária Civil.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorHomem cria tarântula de estimação para manter sogra aracnofóbica afastada
Próximo artigoAnatel anuncia medidas para banda larga mais acessível