Em 3º na eleição, Taques deseja boa sorte a Mendes e diz que jamais esquecerá a experiência

Governador tentou se reeleger, mas conquistou apenas 18,9% dos votos

(Foto:Suellen Pessetto/ O Livre)

Na busca pela reeleição, o governador Pedro Taques (PSDB) não conseguiu conquistar os votos dos indecisos e acabou em terceiro lugar na corrida ao Governo do Estado. Ele conquistou 18,99% dos votos, ficando atrás do senador Wellington Fagundes (PR), que recebeu 19,57%, enquanto o ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes (DEM), foi eleito com 58,89% dos votos. A Mendes, Taques desejou “boa sorte”.

Em nota enviada à imprensa na noite deste domingo (7), Taques agradeceu aos eleitores que, em 2014, deram a ele a oportunidade de governar Mato Grosso. Sobre as experiências conquistadas à frente do Palácio Paiaguás, disse que jamais “sairão da minha mente e do meu coração”.

Mesmo não conseguindo se reeleger, Taques afirmou que vai manter o trabalho à frente do governo de forma ininterrupta, “e com o mesmo entusiasmo, até o último minuto deste mandato”.

Confira abaixo a nota completa:

Quero expressar o meu profundo agradecimento a todos os mato-grossenses que exerceram a cidadania neste domingo (07.10). Um agradecimento especial àqueles que me deram a oportunidade, em 2014, de ser Governador de Mato Grosso e também àqueles que depositaram novamente a confiança em nosso projeto. Eu serei eternamente grato a vocês por me permitirem trabalhar incansavelmente pelo nosso Estado.

Depois de 15 anos de Ministério Público, em apenas quatro anos de atividade política, tive a oportunidade de representar Mato Grosso no Senado e de ser governador. As cenas que eu vivi nos últimos anos, em especial a partir do dia primeiro de janeiro de 2015, jamais sairão da minha mente e do meu coração.

Seguiremos trabalhando ininterruptamente, e com o mesmo entusiasmo, até o último minuto deste mandato.

Cumprimento o próximo governador, a quem desejo boa sorte e sucesso.

Por fim, mais uma vez, quero agradecer a todos com a dignidade intacta e o coração efusivo de esperança.

Pedro Taques

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorEleições MT 2018: veja quem são os oito deputados federais eleitos
Próximo artigoEleições MT 2018: veja quem são os 24 deputados estaduais eleitos