Edição de Mato Grosso do Festival Nacional do Tambaqui vai ajudar o Abrigo Bom Jesus de Cuiabá

O maior evento de peixe amazônico assado será realizado no dia 19 de setembro, no estilo drive-thru

(Foto: Assessoria)

A edição de Mato Grosso do Festival Nacional do Tambaqui da Amazônia, o maior evento de peixe amazônico assado será realizado no dia 19 de setembro, no Centro de Eventos do Pantanal, em Cuiabá. O peixe assado será entregue no sistema de drive-thru, no horário entre 11h30 e 13h30.

O ingresso custa R$ 20 e pode ser adquirido nas lojas Dona Fresca e Procria nas cidades de Cuiabá e Várzea Grande. Cada ingresso dará direito a uma banda de Tambaqui assado. Parte da renda será revertida para o Abrigo Bom Jesus de Cuiabá (outras informações pelo WhatsApp (66) 99222-7557).

O Festival acontece simultaneamente em 27 Unidades da Federação e em Mato Grosso é organizado pela Associação dos Aquicultores do Estado de Mato Grosso (Aquamat). A iniciativa nasceu na Associação de Criadores de Peixes de Rondônia (Acripar), durante o evento Expovale, em Ariquemes (RO) e foi crescendo, agregando novos parceiros institucionais, que enxergaram na estratégia, uma oportunidade de acesso a novos mercados. Em 2019, o evento foi realizado em plena Esplanada dos Ministérios, em Brasília, com grande sucesso.

Nesta inédita ação, em parceria com os 26 estados além do Distrito Federal, o tambaqui chega em todo o país através de 48 toneladas de peixe assado para ser saboreado pela população brasileira, além de o festival ocorrer de forma simultânea em 31 cidades de Rondônia já confirmadas. Mais do que isso, o valor nutritivo do produto, que ainda é considerado pouco consumido per capita, ensejando uma oportunidade de crescimento, operacionalizada através de estratégias como essa.

(Foto: Assessoria)

Segundo o diretor da Aquamat, Robson Moreira, a ideia de realizar o festival em Mato Grosso surgiu após um convite do Sebrae e Acripar. “Além de ajudar o Abrigo Bom Jesus, a nossa intenção é incentivar o consumo de peixe de cativeiro em todas as camadas da população”, explicou o diretor.

De acordo com José Duarte, presidente do Abrigo Bom Jesus, para uma Fundação que sobrevive por meio de doações, receber um auxílio como esse num momento de pandemia, significa saber que podemos seguir prestando um bom serviço assistencial aos moradores do local.

“Uma ajuda como esta vinda da Aquamat é muito significativa. Certamente, nos auxiliará a resgatar um pouco do respeito, segurança e dignidade dos nossos idosos, além de lhes dar novas oportunidades e assistência em suas necessidades”, destaca.

Abrigo Bom Jesus

A Fundação Abrigo Bom Jesus é uma entidade filantrópica que se mantém por meio de doações e necessita de todo tipo de ajuda. Atualmente, a unidade conta com 84 idosos e interage com a sociedade de forma contínua. Atenta aos anseios e necessidades da comunidade, com forte inserção no contexto regional, ela se consolida pelo atendimento à demanda de Prestação de Serviço Assistencial aos idosos. Está localizada na Avenida Historiador Rubens de Mendonça, Morada da Serra, em Cuiabá.

Aquamat

Criada em 2005, a Aquamat representa mais de 300 empresários do setor aquícola e concentra 80% da produção de peixes do Estado. Entre os seus objetivos está estimular o desenvolvimento sustentável da aquicultura em Mato Grosso e defender os direitos e interesses de seus associados juntos às áreas públicas e privadas, visando o desenvolvimento e aprimoramento de suas atividades.

(Da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVolta às aulas: MP pede aplicação de multa a Emanuel Pinheiro
Próximo artigoJustiça Federal determina abertura dos bloqueios feitos por caminhoneiros nas rodovias