E agora, Sputnik?

Gestores que compraram vacina russa devem se reunir hoje à tarde para decidir, conjuntamente, se irão recorrer do veto da Anvisa

O governador Mauro Mendes e outros nove gestores devem se reunir nesta terça-feira (27) para discutir qual será o desdobramento da decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de rejeição ao uso emergencial da vacina russa Sputnik V. 

Eles compõem o Consórcio Norte e Consórcio Nordeste e compraram 37 milhões de doses para suplementar o Plano Nacional de Imunização (PNI) a partir do começo de maio. 

Mato Grosso conseguiu uma cota de 1,2 milhão de doses, que com agendamento de entrega ao fim deste mês. Na reunião, os gestores deverão decidir se vão recorrer ou não para conseguir aplicar a vacina. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui