Durante aulas de tiro, servidor do sistema penitenciário é baleado na bunda por instrutor

A Escola Penitenciária ainda vai investigar se o tiro foi acidental ou uma falha do armamento

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Um servidor recém-empossado do Sistema Penitenciário de Mato Grosso foi baleado na bunda, nessa quarta-feira (12), enquanto participava de uma aula de tiro. Ele foi socorrido pela equipe e passa bem.

O Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sindspen) confirmou a informação nesta quinta-feira (13) e contou que o aluno foi atingido por um tiro disparado por um dos próprios instrutores.

De acordo com o diretor da Escola Penitenciária, Anderson Santana, o disparo foi acidental e causou apenas uma ferida superficial no aluno.

Depois do acidente, o servidor foi socorrido por uma ambulância que já fica no local do curso preparada para atender esse tipo de emergência. Ele foi encaminhado para o Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá e liberado no mesmo dia. A vítima, inclusive, já estaria de volta às aulas.

A Escola Penitenciária informou que “todos os instrutores do curso são qualificados e devidamente capacitados para ministrar as disciplinas das quais são titulares”, e que deve apurar se o tiro foi, de fato, acidental ou se houve falha do armamento.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

O LIVRE ADS