Dupla é presa ao tentar aplicar golpe em policial dentro de delegacia

Estelionatários tinham uma lista com endereços de órgãos da segurança pública onde ainda pretendiam passar

Dois homens acabaram presos neste sábado (9) sob a acusação de estelionato e associação criminosa quando tentaram aplicar um golpe em um policial dentro de uma delegacia.

O caso ocorreu no Rio de Janeiro, na 12ª Delegacia Policial, localizada em Copacabana. Titular da unidade, a delegada Valéria Aragão disse que a audácia da dupla é fora do comum.

De acordo com a Polícia Civil, a dupla oferecia a servidores públicos um negócio financeiro. A vítima teria que contrair um empréstimo, mas a dívida seria quitada por uma empresa chamada pelo bandidos de LDB Soluções Administrativas e Assistencial Pessoal.

Para convencer os “clientes” a fecharem o negócio, os estelionatários diziam que 10% do valor do empréstimo – que a vítima supostamente não teria que pagar – ficariam com a pessoa. O restante deveria ser passado para a empresa.

O tal negócio era chamado pela dupla de “cessão de crédito”.

Na 12ª Delegacia Policial do Rio, eles fizeram a proposta a um policial que, a princípio, se mostrou interessado. Ele, no entanto, acabou não assinando o contrato. Foi alertado por outros agentes da Polícia Civil que perceberam se tratar de uma fraude.

Quando a dupla de estelionatários foi descoberta, os agentes fizeram uma busca no banco de dados da polícia do Rio e encontraram um boletim de ocorrência registrado por um bombeiro militar no dia 24 de julho. A vítima denunciou o golpe praticado por emissários da mesma empresa.

Junto com a dupla de criminosos, a polícia encontrou uma lista com endereços de batalhões da Polícia Militar, da Polícia Civil e da Administração Penitenciária. Também duas agendas com o nome de diversos servidores de órgãos da área de segurança pública.

Eles tinham ainda dados de outros contratos fraudulentos já celebrados, panfletos e orientações de venda.

(Com informações da Agência Brasil)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSérie de O Senhor dos Anéis deve ter 20 episódios na primeira temporada
Próximo artigoDeputados apoiam Moro

O LIVRE ADS