Duarte se despede da vida política que não teve

Secretário de Infraestrutura publica carta aberta para comunicar que não será candidato

Secretário de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), Marcelo Duarte.

Dizendo-se honrado por ter sido visto como um espírito novo na política, sem economizar adjetivos para exaltar qualidades pessoais e feitos profissionais, o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), Marcelo Duarte, publicou uma extensa carta aberta em seu perfil no Facebook para comunicar que não será candidato nas eleições deste ano.

Na carta, o secretário elenca vários feitos da pasta, bem como afirma ter sido convidado por diversos companheiros para disputar o pleito. “Acredito que os resultados positivos obtidos à frente da Sinfra, a qual estou gestor desde janeiro 2015, e a minha trajetória profissional de serviços prestados ao nosso estado me trouxeram, honrosamente, até este momento único da minha trajetória, onde devo decidir entre desincompatibilizar ou não do cargo para me manter viável para avaliação do povo nas urnas”.

Em outro trecho, por sua vez, pondera que após conversas com o governador Pedro Taques sobre as várias entregas que têm programadas para 2018 e com sua família, decidiu que “desta vez” não será candidato.

Confira a carta na íntegra:

Trabalho por Mato Grosso

A minha vida é marcada por princípios e valores morais, éticos e familiares que me motivam todos os dias a trabalhar muito por Mato Grosso. Assim, minhas decisões profissionais são tomadas com responsabilidade, convicção e profunda reflexão. A minha postura não seria diferente ao ser convidado a disputar as eleições de 2018.

Acredito que os resultados positivos obtidos à frente da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), a qual estou gestor desde janeiro 2015, e a minha trajetória profissional de serviços prestados ao nosso estado me trouxeram, honrosamente, até este momento único da minha trajetória, onde devo decidir entre desincompatibilizar ou não do cargo para me manter viável para avaliação do povo nas urnas.

Tal oportunidade de disponibilizar o meu nome para uma disputa eleitoral, confesso que me deixou motivado e fez-me lembrar de todos os inúmeros desafios superados até aqui, para contribuir com o desenvolvimento da nossa infraestrutura. Uma missão que tenho me dedicado com muito afinco e tenho contado com a grande colaboração dos nossos servidores da Sinfra. Profissionais aos quais tenho orgulho de trabalhar, dividir frustrações e vitórias.

Contando sempre com a liderança do nosso governador Pedro Taques, que me fez o convite para compor o seu staff, com muito trabalho, inovação e arrojo, viramos o jogo e reposicionamos o nosso Estado no ranking nacional de infraestrutura.

Construímos mais de 2.400 km de rodovias em três anos, considerando 1.000 km de pavimentação e 1.400 de reconstrução, um recorde que fez Mato Grosso deixar o último lugar no ranking de estradas estaduais em 2014 e subir para a terceira posição entre as rodovias consideradas boas e ótimas na mais recente pesquisa da Confederação Nacional dos Transportes (CNT)

São anos de muito trabalho sério e comprometimento com o melhor interesse do cidadão mato-grossense. Avançamos nos aeroportos, iniciamos discussões importantes sobre ferrovias, hidrovias, estamos transformando o transporte intermunicipal de passageiros e inovamos muito na área de rodovias, com destaque para a grande licitação da concessão de 300 km de rodovias. Fizemos muitas outras ações em prol do Estado, mas sabemos que ainda temos muitos desafios pela frente. Porque a infraestrutura tem que ser gigante como o nosso Mato Grosso, que, com a riqueza que produz no campo, segura o saldo positivo da balança comercial brasileira.

Tenho dito que estamos tocando uma gestão focada na prestação de serviços públicos de qualidade para ‘dona Maria’ e o ‘seu José’ (lá na Sinfra carinhosamente, chamamos, por nomes, os cidadãos), que precisam visitar as suas famílias. Para eles, temos realizado obras que melhoraram as condições das rodovias, aeroportos, pontes, vias urbanas, além do nosso transporte intermunicipal de passageiros. Ao mesmo tempo, com este trabalho temos contribuído diretamente com as diversas cadeias produtivas do Estado. E muito mais ações estão previstas para serem executadas em 2018 e nos próximos anos, porque com o nosso plano diretor, o planejamento estratégico e a economia de recursos públicos a gente vai mais longe. Na prática, é fazer mais com menos dinheiro.

Mas a vida política não para. E como agente político que sou, tenho que admitir que fiquei acompanhando nos bastidores e pelo noticiário as movimentações partidárias, que têm ganhado novos contornos a cada nascer do sol. Especialmente nos últimos tempos, por ter sido procurado por diversos companheiros para disputar o pleito, e por ver meu nome, via imprensa e redes sociais, sondado para ser pré-candidato a deputado federal.

Está situação me deixou honrado por ter sido visto como um ‘espírito novo na política’, em um momento histórico em que a sociedade cobra renovação, perfil trabalhador, honesto e rompimento com as velhas práticas eleitoreiras. O que nos motiva a acreditar que estamos trabalhando no rumo certo.

Vejo a política como fundamental para sociedade e para o fortalecimento da democracia. Ainda mais agora quando a população está cada vez mais envolvida na política, de forma ativa, nas redes sociais ou pessoalmente cobrando de seus líderes eleitos mais ações para melhoria da economia, infraestrutura, segurança, saúde e educação para seus filhos e futuras gerações.

Sinto-me profundamente lisonjeado pela lembrança do meu nome por partidos políticos e companheiros de primeira hora, que viram potencial no meu perfil para o legislativo, apesar de me considerar mais capacitado para o executivo. Entretanto, após conversas com o governador Pedro Taques sobre as várias entregas que temos programadas para 2018 e com minha família, decidi que desta vez não serei candidato. Dedicarei todas as minhas energias na gestão da SINFRA para garantirmos o avanço e a conclusão de diversas obras e projetos em andamento em todo Mato Grosso. No campo político, vou trabalhar para a reeleição do nosso governador Pedro Taques. Tenho convicção que temos que continuar avançando, superando o passado e construindo um futuro melhor, pois temos compromisso com Mato Grosso.

O “hoje é sempre o dia certo, de fazer as coisas certas, da maneira certa. Depois será tarde”. Empresto a frase do ativista político norte-americano Martin Luther King para dizer que o certo, para mim e para minha família, por agora, é seguir em frente, cumprindo as missões confiadas a mim pelo governador com a mesma dedicação e eficiência, sem deixar de lado as minhas metas pessoais de vida.

Humildemente, contem comigo para continuar trabalhando pelo futuro de Mato Grosso, orgulhosamente como secretário de estado do Governo Pedro Taques, lado a lado com os valorosos servidores da Sinfra. 

Marcelo Duarte é Secretário de Estado de Infraestrutura e Logística de Mato Grosso (Sinfra-MT).
Cuiabá (MT), 06 de abril de 2018.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

4 COMENTÁRIOS

  1. Secretário integro de boa índole. Família integra, está trabalhando muito e com ótimos resultado, sendo uma das secretarias que mais tem entregue a sociedade Matogrossense resultado. Parabéns Sr Marcelo mostra que você tem dignidade e não vislumbra ser político a qualquer preço e aproveitar do cargo para se prevalecer na política. O MT precisa e muito de pessoas como você!! Sucesso!!

  2. É um enorme prazer ter o senhor Secretário Marcelo Duarte a frente da nossa secretaria, mostrando sempre ser uma pessoa dedicado e atencioso com os objetivos da pasta. honrado em fazer parte da sua gestão e do nosso governador Pedro Taques, mesmo em crise fazendo o possível para realizar a transformação que o nosso estado merece.

  3. Realmente o Secretário Marcelo e um homem honrado, fiel aos seus princípios de vida e aos seus valores. Para mim é uma honra trabalhar com uma pessoa tão brilhante e dedicado ao Estado de Mato Grosso.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMP pediu o afastamento de Kleber Lima, mas Justiça negou
Próximo artigoZé Domingos, sócio da Gráfica Print e parentes de Savi e Wilson irão prestar depoimento ao Gaeco

O LIVRE ADS