Donos de bares tentam trabalhar em MT e PM precisa intervir

Alguns proprietários foram presos; uma alegou que não iria fechar o bar pois precisava vender para sobreviver

Foto: PMMT

A Polícia Militar precisou precisou agir em todo Mato Grosso nesse final de semana para que os decretos de isolamento social devido à pandemia de coronavírus fossem cumpridos.

Bares em diversas cidades do Estado precisaram ser fechados ao serem encontrados com as portas abertas e com clientes consumindo bebidas.

Segundo a assessoria da Polícia Militar, ao todo foram 73 ocorrências por desobediência a decretos de prevenção à propagação ao coronavírus, sendo 54 de dispersão de aglomeração e 19 de fechamento de estabelecimentos comerciais, em maioria bares.

Um dos casos foi em Brasnorte (600 km de Cuiabá) onde, pouco antes das 19 horas desse domingo (22), um bar no Bairro Nosso Lar foi encontrado descumprindo o decreto municipal do dia 20 de março que estabelecia o fechamento imediato de bares na cidade.

Policiais foram até o local e conversaram com a proprietária, de 44 anos, que alegou que não fecharia o bar porque tinha que vender para sobreviver.

Ela foi informada de que isso a faria estar cometendo o crime de desobediência, mas, ainda assim, seguiu se negando a fechar o estabelecimento.

Com a insistência em recusar a atender à ordem, ela precisou ser presa e encaminhada para a delegacia.

Sapezal

Ela, no entanto, não foi a única dona de bar que acabou detida ao insistir em tentar driblar o decreto.

Em Sapezal (520 km de Cuiabá), um homem de 44 anos, o proprietário de um bar no Bairro Jardim Sapezal, também acabou detido depois que policiais encontraram aglomeração de pessoas consumindo bebidas alcoólicas em seu estabelecimento.

O caso aconteceu por volta das 11 horas desse domingo (22).

Jaciara

Na cidade de Jaciara (150 km de Cuiabá) a ação da Polícia Militar começou pela manhã desse domingo (22). Uma equipe, em companhia de funcionários da Secretaria Municipal de Saúde e da Vigilância Sanitária, visitou mercados, padarias e bares notificando sobre o decreto municipal de enfrentamento ao covid-19.

Por volta das 18 horas, porém, os policiais receberam a informação de que um dos bares notificados havia voltado a funcionar.

Uma equipe foi até o local e encontrou o balcão aberto com oito pessoas reunidas, uma delas com duas latas de cerveja ao seu lado.

Por desobedecer o decreto a qual já havia sido avisado de manhã, o dono do bar, de 51 anos, foi detido e encaminhado para a delegacia.

As pessoas que estavam no bar foram liberadas para evitar um possível contágio por coronavírus.

Colniza, Feliz Natal e Rondonópolis

Nas cidades de Colniza e Feliz Natal (1090 e 510 km de Cuiabá respectivamente), as ações aconteceram por volta das 18h30, foram tranquilas e os proprietários acataram a ordem de fechamento. Com isso, não houve prisões.

Já em Rondonópolis (220 km de Cuiabá), por volta das 19 horas, um homem de 44 anos acabou encaminhado para a delegacia depois que uma equipe policial encontrou o bar dele, no Bairro Jardim Eldorado, uma aglomeração de pessoas ingerindo bebidas alcoólicas, mesmo com o decreto da prefeitura determinando a suspensão de comércios.

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCom investimento de R$ 22 milhões, Matsuda Pet inaugura nova linha de produção
Próximo artigoEmpresários e clientes prestigiam inauguração da Matsuda Pets

O LIVRE ADS