Domínio na Baixada Cuiabana

Agora presidente do Consórcio Vale do Rio Cuiabá, prefeito Emanuel Pinheiro quer retorno do agronegócio para a região

(Foto: Reprodução/Luiz Prefeitura de Cuiabá)

A disputa entre o governador Mauro Mendes e o prefeito Emanuel Pinheiro pode expandir para a Baixada Cuiabana. Pinheiro foi eleito nesta sexta-feira (15) presidente do Consórcio Vale do Rio Cuiabá, com discurso de retorno do agronegócio aos municípios. 

Ele disse que nas últimas décadas Cuiabá e demais cidades da região abriram mão do desenvolvimento para que serviços e independência administrativa chegassem ao interior de Mato Grosso. 

“Assim como a mãe abre a mão de seus projetos para priorizar os filhos, Cuiabá abriu mão do desenvolvimento para que os municípios no interior crescessem, incluindo os do agronegócio. E qual é o retorno?”, disse. 

Pinheiro fez todo seu discurso no mesmo tom de “revalorização” da Baixada Cuiabana, com a participação do maior segmento econômico. Acontece que a visão é quase oposta ao planejamento do governo estadual. 

Ao lançar seu plano de obras, no fim do ano passado, Mauro Mendes apresentou um nicho de financiamento para a Baixada para a criação de alternativas de atividades econômicas que não passem pelo agro, setor que ele disse ver como consolidado no interior. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorReino Unido decide interromper entrada de viajantes do Brasil
Próximo artigoGreve dos caminhoneiros: categoria em MT não apoia paralisação