Documentos da Sputnik V

Governo diz que documentos serão novamente entregues à Anvisa, mas ressaltou lei torna o uso de vacina automático

(Foto: Ascom/Anvisa)

O governo de Mato Grosso diz que a documentação necessária para a liberação de uso emergencial da vacina Sputnik V será reapresentada para a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). 

Em nota publicada nessa terça-feira (27), após reunião com outros que compõem o Consórcio Norte e Nordeste, o governo informa que o corpo técnico do grupo trabalha para reunir os documentos, junto a agência reguladora russa e o ministério da saúde russo. 

Porém, destacou a legislação brasileira torna automática a utilização de imunizantes desde que esteja aprovado em pelo menos uma das 11 principais agências reguladoras do mundo. A Sputnik V estaria aprovada em três delas. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorArena Pantanal é reformada para receber jogos do Brasileirão
Próximo artigoEmprego doméstico remunerado cai 23% no quarto trimestre de 2020