Do esporte à defesa pessoal: curso de tiro atrai cada vez mais mulheres em Cuiabá

Instrutores criaram um curso específico para elas e são taxativos: têm alunas mais dedicadas e fáceis de ensinar. Próxima edição edição será no domingo (28)

(Foto Divulgação / Rhainara Leite)

Um dia intenso com aprendizado sobre o básico do universo das armas, seja para defesa pessoal ou para a prática esportiva. Porém, com um diferencial: o público é feminino.

Assim será o “curso de operador de pistola”, oferecido no domingo (28), na Cia das Armas, em Cuiabá. Essa é a última edição do ano para a turma de nível básico, na Capital.

Para 2022, adianta o instrutor Dirceu Ribeiro Sampaio Junior, o foco será em cursos mais avançados.

Público exigente

(Foto Divulgação / Rhainara Leite)

Há um ano, o Tiro Para Mulheres (TPM) realiza os cursos. A iniciativa surgiu em outubro de 2020 e acontece de acordo com a demanda, com um intervalo de 2 a 3 meses. Conforme a organização, mais de 70 mulheres já participaram da capacitação.

No próximo evento, na semana que vem, 12 alunas serão assistidas. O público reduzido, explica o instrutor Ribeiro, é algo programado, considerando a qualidade do ensino e também a segurança de alunas e instrutores.

Ribeiro, que atua em parceria com uma instrutora, destaca uma curiosidade acerca das alunas: são bem exigentes.

“As mulheres são mais dedicadas, formam um público mais detalhista, porém, é bem mais fácil de ensinar”, explica o instrutor.

O universo do tiro

Ribeiro pontua que na aula tenta-se mudar a mentalidade e mostrar para a mulher que, em uma situação de perigo, ela é seu último recurso. Portanto, precisa buscar formas de sair desse risco.

Outra questão é abordar com as alunas o contexto em que estão inseridas para evitar se tornar uma potencial vítima de algum crime, frisa o instrutor que tem experiência na área militar. Tanto é que algumas participantes já se contentam com isso e sequer têm contato com o armamento, comenta Ribeiro.

As inscrições se encerram nesta semana. Para mais informações sobre o curso, o telefone de contato é (65) 9 9338-2239.

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorEscolas não podem negar matrícula a pessoas com deficiência
Próximo artigoDeputado propõe audiência pública para destravar projeto da Ferrogrão