Disque-denúncia: 37% das ligações são relacionadas ao tráfico de drogas

Em relação ao ano passado, houve o aumento de 11% nas ligações recebidas

(Foto: Reprodução)

Este ano, a Secretaria de Estado de Segurança Pública recebeu 6.195 ligações denunciando crimes de diversas naturezas em seus canais de comunicação com a população. O número representa um acréscimo de 11% em relação ao mesmo período de 2019, quando foram registradas 5.553 ligações.

Grande parte dos casos está relacionada com o tráfico de drogas. Foram 2.059 ligações anônimas que relatavam a localização de “bocas de fumo”. Elas foram realizadas pelos números de emergência da Polícia Civil (197) e do Disque Denúncia Nacional (181).

As ligações para os canais de emergência são recebidas pelo Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp), da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp).

O total de atendimentos do 197 correspondem aos municípios de Cuiabá e Várzea Grande. No interior, as denúncias são direcionadas às delegacias municipais e regionais. Já o 181 recebe denúncias de todo o Estado.

Outros crimes

Frente às ações preventivas para conter a Covid-19, 465 ligações foram feitas para denunciar aglomerações. Outros chamados foram por crimes de ameaça (247), infração ambiental (203) e estelionato (443), dentre outras.

“Nossos canais de denúncias estão abertos a todo cidadão. É uma importante ferramenta para a atuação das forças policiais e servem para identificar autores de vários crimes. Neste ano tivemos esse diferencial das ocorrências que envolvem o período de pandemia. O aumento nos registros aponta que a população está atenta”, ressaltou a gerente de denúncias da Sesp, Daise Beckmann Morel Luck.

Ainda segundo Daise, logo após o recebimento da denúncia, a equipe de atendentes encaminha a unidade policial para a verificação e, em seguida, tem início a investigação. A identidade de quem denuncia é mantida em sigilo.

O Ciosp recepciona também os números de emergência da Polícia Militar (190), Corpo de Bombeiros Militar (193), Guarda Municipal (153), Trânsito do Município (118), Defesa Civil (199) e Polícia Rodoviária Federal (191).

(com informação da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMinistro visita PMs feridos em queda de helicóptero
Próximo artigoValor agregado de produtos mato-grossenses exportados cresce 4,7%