Dinheiro desbloqueado

Justiça Federal liberou movimentação em conta de empresa investigada para atualizar pagamento de médicos

(Foto: Davi Valle)

A Justiça desbloqueou as contas da empresa Hipermed Serviços Médicos & Hospitalares, investigada na Operação Cupincha, sob a justificativa da necessidade de pagar salário de funcionários. 

Na decisão que mandou bloquear R$ 46,5 milhões de 21 investigados, o juiz federal Jefferson Schineider disse que a liberação visa “não prejudicar a prestação de serviços e regularizar os pagamentos a funcionários”. 

No dia em que operação foi deflagrada, 80 médicos pediram demissão em massa por atraso de salário. A Hipermerd confirmou em nota que as contas da empresa amanheceram desbloqueadas nesta sexta-feira (29). 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPEC dos Precatórios abrirá R$ 91,6 bilhões no teto de gastos em 2022
Próximo artigoPassaporte da vacina: quatro projetos já tramitam no Senado