“Dia do Perdão”

Emanuel Pinheiro quer que Cuiabá tenha data anual para reflexão sobre compaixão, em 26 de novembro

O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB) enviou para a Câmara dos Vereadores um projeto de lei para instituir o Dia do Perdão na Capital.  

Segundo ele, a data seria para refletir sobre “momentos tempestuosos que a humanidade passa”, marcados por “falta de amor, compaixão e empatia” 

A data escolhida para a celebração é 26 de novembro, que coincidentemente, ou não, é a mesma em que ele recebeu autorização da Justiça para retornar ao cargo de prefeito, após 37 dias afastado. 

O afastamento ocorreu por investigação de improbidade administrativa, com contratação de servidores públicos por indicação política e pagamento irregular de prêmio-saúde, gratificação de complemento salarial. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.