Detentos reformando cadeias

Presídios serão reformados pelo governo de Mato Grosso utilizando detentos como mão de obra. O gasto será de R$ 6 milhões

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

A Secretaria de Segurança Pública de Mato Grosso (Sesp-MT) vai gastar R$ 6 milhões com reformas da Penitenciária Central do Estado (PCE) e do presídio Pascoal Ramos, o popular Carumbé, ambos localizados em Cuiabá.

As obras serão feitas exclusivamente pelos detentos e vão cumprir um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) que envolve a secretaria e o Conselho da Comunidade de Execução Penal de Cuiabá.

A liberação do dinheiro já estava programada no plano de aplicação aprovado pela própria Sesp-MT.

As informações constam no Diário Oficial do Estado que circulou na terça-feira (29).

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorBolsonaro sanciona projeto que garante R$ 65,6 bilhões a Estados e municípios
Próximo artigoO mundo girou e agora é o momento de seguir adiante