Desvio de finalidade

Ex-prefeito é suspeito de direcionar dinheiro da covid para outras áreas no interior de MT

Em Jangada (80 km de Cuiabá), a Câmara Municipal instaurou uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar a suspeita de mau uso do dinheiro público destinado às ações contra o vírus chinês.

As ações que podem configurar improbidade administrativa foram tomadas ainda no mandato do ex-prefeito Edérzio de Jesus Mendes, o Garrincha (DEM), derrotado na tentativa de reeleição em 2020.

Os vereadores acreditam que o dinheiro liberado pelo Estado e União tenha sofrido desvio de finalidade. Ou seja, foi aplicado para folha de pagamento e até obras de infraestrutura.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVolta às aulas em MT está mantida? Seduc diz que sim. Professores dizem que não
Próximo artigoCRECI pede aos deputados de MT que alterem PL e incluam os corretores de imóveis como MEI