Deputados elegem Max Russi presidente da ALMT

Após decisão do STF, nova eleição foi pautada pelo consenso e sem concorrentes

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Com 20 votos favoráveis, um contrário e apenas uma abstenção, o deputado estadual Max Russi (PSB) foi eleito presidente da Assembleia Legislativa para o biênio 2021/2022.

O único a não votar foi o deputado Valdir Barranco (PT) que está internado em uma unidade hospitalar em São Paulo (SP) por conta das complicações da Covid-19.

O petista levou o nome da única chapa inscrita para a disputa: a chapa “Valdir Barranco”.

A eleição ocorreu na noite desta terça-feira (23), após o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, conceder uma liminar que anulou a eleição que concedia o terceiro mandato sucessivo ao deputado estadual Eduardo Botelho (DEM).

O deputado Silvio Favero (PSL) sinalizou articular uma chapa para disputar a Mesa Diretora. Porém, não obteve êxito.

Após a liminar expedida pelo Supremo Tribunal Federal, houve intensas articulações com o intuito de assegurar Max Russi na presidência do Legislativo e Eduardo Botelho na primeira secretária.

Trata-se das funções mais importantes do Legislativo, peças-chaves nas decisões políticas, administrativas e financeiras.

Os demais postos da Mesa Diretora serão ocupados pelos seguintes deputados:

1 Vice-presidente – Dilmar Dal Bosco (DEM)

2 Vice-presidente – Wilson Santos (PSDB)

2 Secretária- Janaína Riva (MDB)

3 Secretário – Delegado Claudinei (PSL)

4 Secretário – Allan Kardec (PDT)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorBolsonaro comemora alta de 10% nas ações da Petrobras
Próximo artigoGoverno dá mais um passo rumo à concessão do Parque de Chapada dos Guimarães