Deputado do MBL faz graça em plena crise

Faltou postura, para não variar, ao deputado estadual Ulysses Moraes

Não é de hoje que o deputado estadual Ulysses Moraes (PSL-MT) tenta chamar a atenção para si, em detrimento das sérias reivindicações que o eleitorado que votou nele tinha esperança que ele abraçasse.

Em seus vídeos, não importa o assunto, ele faz graça, caretas, mas, há um ano e três meses no cargo, o membro do tão famoso quanto decepcionante MBL não disse ainda a que veio.

Nessa sexta-feira (27), quando praticamente 100% da sociedade brasileira está aflita com a crise provocada pelo coronavírus, com pessoas vivendo o drama da infecção pelo vírus, trabalhadores perdendo emprego, empresários à beira da falência e poder público fazendo o que pode para mitigar os efeitos da perda de arrecadação, o nobre deputado nos aparece de cueca samba-canção para participar da sessão virtual da Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

E ainda faz questão de postar em suas redes sociais.

Cresça, deputado!

Ou dê lugar a quem queira levar esse cargo a sério.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

6 COMENTÁRIOS

  1. Dos projetos que ele apresentou como a indicação de medidas econômicas que mandou pro governador, a defesa contra o corte de luz antes da normativa da Aneel, da indicação para redução de gastos de TODOS OS PODERES para serem serem destinados ao combate ao coronavirus, do PL para suspender prazos de concursos em validade durante o período da crise, etc., ZERO MATÉRIAS.

    Agora para fazer uma matéria pra falar mal da roupa q ele usa por trás das câmeras tá sobrando tempo né? Palhaçada! Se querem fofocar pelo menos deem a missão a alguém que sabe a diferença entre um samba canção e um short de praia.

  2. Nunca vi tanta parcialidade, no início achei que esse site seria diferente dos outros daqui da nossa região, mas me decepciono a cada matéria, principalmente as encomendas como essa! Não votei no deputado e portanto não me acusem de ser gado, estou apenas posicionando sobre o tipo de material que nem assinatura tem, ou seja reflete o editorial da empresa e não opinião de um jornalista apenas.

  3. É lamentável a postura desse SITE, uma decepção, dois pesos e duas medidas. Ora, o Deputado Faissal também postou foto paraecida, mas ninguém falou nada. Dizer que o deputado não disse a que veio é uma maldade e uma grande mentira. Não fui eleitor do Deputado Ulysses Moraes, mas hoje EU e minha família com certeza somos apoiadores e admiramos o seu trabalho. A foto é apenas para descontração, ou o pessoal do Site não tem senso de humor. Precisa publicar que o deputado economizou mais de $2.000.000,00 (dois milhões de reais, usa apenas 50% de funcionários, usa apenas 15% da verba de Combustível, usam menos de 40$ da Verba Indenizatória. Quanto a sua atuação e postura de deputado nas seções tem sido exemplar, principalmente em defesa da sociedade. O seu último projeto de lei aprovado foi o de proibição da cobrança de energia e água por estimativa. Por favor, sejam imparciais e façam uma matéria comparativa entre o que o deputado Ulysses já fez, o quanto, o quanto economizou, como tem votado as matérias do governo… Sim façam uma comparação com os ouros deputados, Janaína – Barranco – Ludio Cabral – Avalone – ETC… Agora publique e faça uma matéria sobre as vestes do Dep. Faissal. PROVE QUE É UM SITE INDEPENDENTE E SÉRIO

  4. O Dep Botelho disse ao vivo que o Dep Paulo Araújo não estava na sessão extraordinária de sexta pois já estava tomando Heineken, faltou postura do Dep Botelho ou o Dep Paulo Araújo não tem responsabilidade?

  5. Não nutro, de fato, nenhuma simpatia ao deputado. E o julgo despreparado inclusive. Mas a matéria parece coluna social! O livre contratou Ungareth pra fazer jornalismo? “O famoso e decepcionante MBL!” Militância? Tanto bandido em MatoGrosso deitando e rolando e vcs deixando jornalistas de esquerda q nunca leram 3 livros na vida sobre politica, na redação de vcs. Triste, O livre .

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorApós cancelamentos, nova malha aérea vai operar durante pandemia
Próximo artigoCâmara aprova dispensa de atestado médico a trabalhador com covid-19