Depoimento ao Naco

Prefeito afastado e primeira-dama foram ouvidos na manhã de hoje no processo que investiga crimes na Saúde

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

O prefeito afastado Emanuel Pinheiro, a primeira-dama Márcia Pinheiro e o chefe de gabinete Antônio Monreal Neto foram ouvidos nesta sexta-feira (22) pelo Núcleo de Ações de Competências Originárias (Naco) em audiência virtual. 

É o primeiro depoimento de Emanuel Pinheiro no processo da Operação Capistrium, deflagrada na terça-feira (19).  A defesa do casal está sendo feita pelo advogado e amigo do prefeito, Francisco Faiad. 

Conforme Faiad, o prefeito está “tranquilo” e consciente de não ter cometido crimes. Emanuel Pinheiro e Márcia Pinheiro são investigados por suposta contratação de indicações política para a Secretaria de Saúde, o que teria gerado excesso de pessoas “sem função” na pasta. 

Ainda conforme a defesa, o próximo passo é entrar com recurso judicial para reverter a decisão que afastou Pinheiro do cargo.  

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorBento XVI escreve que deseja se juntar a seus amigos no Céu em breve
Próximo artigoBolsonaro descarta saída de Paulo Guedes da Economia