DEM registra em cartório pré-candidatura de deputado preso no CCC

Mauro Savi foi preso na operação Bereré, acusado de corrupção no Detran

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

O presidente regional do DEM, o deputado federal Fábio Garcia, registrou em cartório a pré-candidatura do deputado estadual Mauro Savi. O documento deve ser usado pela defesa de Savi para tentar tirá-lo da cadeia.

No registro, feito nesta terça-feira (31), Fábio Garcia destacou que a candidatura de Savi ainda precisa ser confirmada na convenção partidária, marcada para sábado (4), no ginásio Dom Aquino, em Cuiabá. Na ocasião, o DEM deve confirmar também a candidatura de Mauro Mendes ao governo estadual e de Jayme Campos ao Senado.

O deputado está preso no centro de Custódia de Cuiabá (CCC) desde 9 de maio, acusado pelo Ministério Público Estadual (MPE) de liderar um esquema de corrupção no Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Ele já sofreu diversas derrotas judiciais na tentativa de deixar a prisão.
A Assembleia Legislativa chegou a aprovar uma resolução revogando a prisão do parlamentar. Porém a justiça não acatou a decisão dos deputados.
Savi foi o deputado estadual mais votado nas eleições de 2014, com mais de 55 mil votos.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

2 COMENTÁRIOS

  1. Esse é o DEM. Partido político que tem em seu quadro um sujeito preso por corrupção há meses e com vários pedidos de soltura negados, já que a cadeia é o lugar de bandidos corruptos.
    Um partido deve ter membros com ética, probidade, honra e principalmente gozar de honestidade.
    O que pensar de sujeitos como Mauro Mendes e Otaviano Pivetta, que estão se sujando num lamaçal fedorento que tem Jaime Campos, Júlio Campos e Carlos Bezerra, as velhas raposas da política de Mato Grosso. E ainda o homem-mola Valtenir Pereira, que até alguns dias detonava com Mauro Mendes.
    Essa chapa tá fedendo mais que o esgoto que cai no Rio Cuiabá. Decepção total com os políticos.
    O duro é ouvir as desculpas esfarrapadas do Fábio Garcia e Eduardo Botelho na defesa do Mauro Savi.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGoverno planeja ampliar distribuição de energia em Roraima
Próximo artigoUniversidade do Estado da Bahia terá cotas para transexuais