Delação de Alan Malouf: empresário vai pagar R$ 5,5 milhões, em 10 vezes, por acordo

Empresário ainda terá que cumprir pena de 15 anos de reclusão

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

O empresário e agora delator na Justiça Alan Malouf pagou R$ 5,5 milhões como parte do seu acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal (MPF). No acordo, que o LIVRE teve acesso na totalidade, ele detalhou aos investigadores um esquema de corrupção instalado no seio da campanha de 2014 e no governo de Pedro Taques para quitar dívidas com fornecedores.

De acordo com o documento obtido com exclusividade pelo LIVRE, desse total, R$ 4 milhões são referentes A multas. Outros R$ 1,5 milhão foram pagos como indenização por danos morais pelos crimes cometidos e, posteriormente, narrados ao MPF.

[related_news ids=”95005,108510,108572″][/related_news]

Do total que Alan Malouf irá pagar aos cofres públicos, R$ 3,3 milhões serão quitados via imóveis de propriedade do delator.

O restante do valor será dividido em 10 prestações, incitadas no mês de julho deste ano e com prazo final para a última prestação no último dia do ano de 2012.

Pena

Mesmo com o pagamento milionário que será realizado pelo empresário, ele ainda terá que cumprir pena de 15 anos de reclusão. Desses, 7 meses de prisão domiciliar, 1 ano e cinco meses no regime semiaberto e outros 13 anos no regime aberto diferenciado, que não inclui o uso de tornozeleira eletrônica.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDelação de Alan Malouf: Brustolin e Modesto exigiram quase R$ 2 milhões para assumir secretarias
Próximo artigoWhatsApp remove contas de disparo em massa de notícias falsas

O LIVRE ADS