Déficit volta a subir

Governo volta a ver suas contas negativas em R$ 100,7 milhões

(Foto: Reprodução)

O déficit das contas do governo do Estado para o mês de junho voltou a crescer. Segundo balanço divulgado pelo governador Mauro Mendes (DEM), a gestão gastou R$ 100,7 milhões a mais do que arrecadou. Só com folha de pessoal o governo gastou R$ 506,3 milhões.

Em maio, o déficit registrado foi de R$ 67,437 milhões, o de abril foi de R$ 72,821 milhões, março registrou saldo negativo de R$ 60,990 milhões, sendo o melhor mês do governo. Fevereiro registrou R$ 118,095 milhões de saldo negativo. E até agora, foi janeiro que teve a pior marca, com déficit nas contas públicas do governo de R$ 168,856 milhões.

A mini-reforma tributária aprovada pelos deputados na madrugada de sábado (27) pode, no curto prazo, ajudar a elevar o faturamento do Estado. Ainda não se sabe exatamente o valor a mais que deve entrar nos cofres públicos, mas há deputados que estimam arrecadação de R$ 1,5 bilhão a mais por ano.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Dando continuidade a nossa forma de governar, com transparência, divulgamos hoje o balanço das contas do Governo do mês de junho. Arrecadamos R$ 1.334 bilhão, pagamos R$ 307 milhões em salário de servidores ativos e R$ 199 milhões para os nossos aposentados e pensionistas. Para os Poderes, como é obrigatório o repasse, foi transferido para o Tribunal de Justiça o valor de R$ 92,2 milhões; Assembleia Legislativa recebeu em repasse obrigatório a quantia de R$ 42 milhões; para o Ministério Público foi repassado o valor de R$ 35,6 milhões; ao Tribunal de Contas do Estado o valor foi de R$ 29,1 milhões e à Defensoria Pública a quantia foi de R$ 10,9 milhões. Nós também fizemos os repasses obrigatórios às 141 prefeituras no valor de R$ 236,3 milhões, mais R$ 116,7 milhões para o Fundeb, entre outras despesas, todas descritas no quadro acima. O repasse para a Saúde foi de R$ 58,3 milhões e para o custeio das secretarias o valor foi de R$ 70,4 milhões. As outras informações podem ser obtidas no próprio balancete, de forma simples e acessível. Vamos continuar o nosso trabalho, pois agora é a hora de reconstruir Mato Grosso. . #Transparência #TribunaldeJustiça #AssembleiaLegislativa #MinistérioPúblico #TribunaldeContas #DefensoriaPública #Educação #Saúde #MatoGrosso @govmatogrosso

Uma publicação compartilhada por Mauro Mendes (@mauromendesoficial) em

Leia também
Déficit de mais de R$ 488,1 milhões

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSó vendo para crer: meteorologia aponta frio de 4ºC em Cuiabá
Próximo artigoOswaldo Montenegro libera trilha sonora para espetáculo cuiabano

O LIVRE ADS